Mogi inicia amanhã vacinação de trabalhadores da Educação

'Clique Vacina' permite ao usuário escolher local e data para receber a vacina
'Clique Vacina' permite ao usuário escolher local e data para receber a vacina - FOTO: PMMC/Divulgação

A aplicação da primeira dose para profissionais da Educação começa amanhã e terça-feira. O atendimento será em três pontos com agendamento online prévio: no Pró-Hiper, com entrada pela avenida Cívica, no bairro do Mogilar, no Cempre Professora Lourdes Lopes Romeiro Iannuzzi, que fica na rua Benedito dos Santos, 930, em Jundiapeba e no Bunkyo na avenida. Japão, 5919, na Porteira Preta

Todo atendimento prossegue por meio do agendamento online "Clique Vacina": https://vacina.mogidascruzes.sp.gov.br/

O sistema de agendamento online "Clique Vacina" permite ao usuário escolher local e data para se imunizar contra a Covid-19 conforme disponibilidade das doses enviadas pelo governo do Estado à cidade.

No portal da Prefeitura há um banner que, ao clicar, o usuário é levado à página onde ele escolhe seu grupo prioritário de vacinação. Nas telas seguintes, ele preenche dados pessoais, como o CPF, nome e endereço, além do e-mail e o número de celular. Com o cadastro concluído, a pessoa escolhe o local onde quer ser vacinada e um comprovante será enviado por e-mail e WhatsApp.

Quem tiver dificuldade para realizar o agendamento online também pode ligar para o SIS 160.


Mais vacinas

A direção do Condemat solicitou o apoio do Ministério Público Federal para que a região seja atendida com mais doses de vacina contra a Covid-19 destinadas aos trabalhadores da saúde. Em reunião virtual nesta semana com a participação de secretários municipais de Saúde e representantes da Secretaria de Estado da Saúde e do Ministério da Saúde, foi exposto o déficit de imunizantes para o grupo prioritário e exposta outras dificuldades na operacionalização dos planos Nacional e Estadual de Imunização contra a Covid-19.

Os 12 municípios da região do Condemat imunizaram cerca de 70 mil trabalhadores da saúde e de acordo com a Secretaria do Estado de Saúde todas as doses destinadas para o atendimento desse público já foram disponibilizadas nos três primeiros lotes da campanha. No entanto, um levantamento atualizado da Câmara Técnica de Saúde aponta um déficit de 30% nesse quantitativo.

"A estimativa é de que cerca de 29 mil trabalhadores de saúde da região não receberam nem a primeira dose da vacina, sendo que grande parte deles está atuando na linha de frente no combate à pandemia. Estamos cobrando providências afirmou a coordenadora da Câmara Técnica de Saúde, Adriana Martins.

Gripe

Os municípios da região do Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê (Condemat) recebem nesta semana 262.946 doses de vacina para dar início à primeira etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe (Influenza). A imunização começa também amanhã em todo o país com a distribuição dos grupos prioritários em três etapas.

Nesta etapa inicial serão vacinadas as crianças de 6 meses a menores de 6 anos de idade (5 anos, 11 meses e 29 dias), gestantes, puérperas, povos indígenas e trabalhadores da saúde. Do total de doses destinadas à região neste primeiro lote, 168.927 serão para as crianças; 68.349 para os trabalhadores da saúde; para as gestantes serão 21.646; 3.783 doses são destinadas às puérperas e 241 para indígenas.