Mogi divulga iniciativas de apoio emocional

A pandemia de Covid-19 pode desencadear uma série de problemas emocionais como ansiedade, angústia e depressão. Para incentivar os servidores que se sentirem afetados emocionalmente a buscar apoio, a Prefeitura de Mogi das Cruzes divulga uma relação de iniciativas importantes que já existem para ajudar as pessoas a aliviar o sofrimento neste momento de maior crise sanitária da história do país, em especial os trabalhadores da chamada "linha de frente", como profissionais da saúde, segurança pública, sepultadores e assistentes sociais, entre outros que, diariamente, passam por situações de tensão e elevado estresse.

1) Serviços de apoio emocional Varandas Terapêuticas (Grupo online de escuta) - institutogerar.com.br/clinica-instituto-gerar/Contato: [email protected] Instituto Gerar oferece a experiência de participar em grupos mediados por psicanalistas.

Centro de Valorização da Vida (CVV) https://www.cvv.org.br/ ou ligue 188. O Centro de Valorização da Vida (CVV) realiza apoio emocional e prevenção do suicídio.

2) Serviços de atendimento psicológico online. Telepan Medicina UFMG- https://www.medicina.ufmg.br/telepansaude Contato: [email protected] O projeto oferece consultas médicas, psicoterapia individual breve de apoio e terapia de grupos para profissionais da linha de frente no combate à Covid-19.

Acolhida C-19 - https://acolhida.reservio.com. O projeto se destina a atender profissionais da saúde na linha de frente no combate ao novo coronavírus.

Grupo Creare - https://sites.google.com/view/grupocreare/. O Grupo Creare tem por objetivo acolher e oferecer suporte psicológico para pessoas em situação de sofrimento, angústia e depressão. O primeiro atendimento é gratuito e emergencial, podendo estender o tratamento.