Após exoneração de Naufel, cidade cria comissão interna da Saúde

Prioridade é manter o foco na luta contra a Covid-19
Prioridade é manter o foco na luta contra a Covid-19 - FOTO: Divulgação

A administração municipal de Mogi das Cruzes informou na tarde de ontem mais detalhes sobre a formação do Comitê Interno para o gerenciamento da Secretaria Municipal de Saúde, que encontra-se sem um titular desde segunda-feira. O novo grupo, além de garantir o funcionamento da rede municipal de saúde, pretende promover um diagnóstico das políticas públicas e projetos desenvolvidos na cidade.

O grupo intersetorial foi criado para garantir o funcionamento das ações da Pasta após a saída do secretário municipal Henrique Naufel, ocorrida no início da semana. A saída do titular foi recomendada pela Vara do Patrimônio Público e Social do Ministério Público do Estado de São Paulo, após constatações de irregularidades na primeira etapa da campanha de vacinação contra o novo coronavírus (Covid-19) na cidade, no final de janeiro.

O comitê é composto pelos secretários municipais Lucas Porto (Gabinete), Francisco Camargo, o Cochi (Governo), Ricardo Abílio (Finanças) e a secretária-adjunta de Saúde, Andréia Godoi, que assume em caráter temporário as atribuições da Pasta.

A comissão pretende garantir o andamento dos trabalhos já desenvolvidos anteriormente pela secretaria, tanto no combate à pandemia da Covid-19 quanto no levantamento de informações internas para o diagnóstico dos processos em andamento. O diagnóstico será utilizado como briefing para o futuro titular da Secretaria de Saúde de Mogi das Cruzes e para o Ministério Público, caso tais dados sejam solicitados futuramente.

Segundo a Prefeitura, a comissão da Saúde irá atuar em conjunto com o Comitê da Saúde de Enfrentamento à Covid-19, com os diretores dos hospitais públicos e privados da cidade. "A comissão tem como objetivo resguardar o andamento dos trabalhos já desenvolvidos pela secretaria. O foco é o combate à Covid-19, mas os outros serviços prestados pela Pasta não serão prejudicados", informou por nota.

Questionada sobre uma previsão para o anúncio da nova titularidade da secretaria de Saúde, a Prefeitura informou que ainda não há uma definição a respeito de prazos. (A.D.)

Deixe uma resposta

Comentários