Educação infantil nas escolas particulares está liberada

Equipamentos serão destinados aos professores
Equipamentos serão destinados aos professores - FOTO: Divulgação/PMMC

As escolas particulares com turmas de educação infantil em Mogi das Cruzes foram liberadas, desde ontem, para atender alunos presencialmente. A deliberação considera que as unidades particulares, por suas estruturas menos complexas e compactas, têm condições de adotar as medidas de segurança sanitária com mais rapidez, visto que a quantidade de alunos neste setor é menor do que no público. Este período servirá também de avaliação para a retomada gradual em outras unidades de ensino. As unidades de ensino públicas e particulares que atendem a partir do Ensino Fundamental continuarão com atividades remotas, como estabelece o decreto 20.000, de 13 de abril.

As escolas poderão atender 50% do total de alunos matriculados. Devem ser seguidos os protocolos sanitários estabelecidos em normas estaduais e municipais e o distanciamento de 1,5 m. O retorno dos estudantes é opcional. Os funcionários que se enquadram no grupo de risco devem ser mantidos em teletrabalho.

As unidades de ensino públicas e particulares a partir do Ensino Fundamental estão autorizadas a realizar atividades presenciais específicas para fins de manutenção emergencial, distribuição de kits de alimentação e kits escolares. Neste mês, a Secretaria de Educação de Mogi das Cruzes está intensificando a preparação das escolas e creches para a retomada das atividades.

O retorno das atividades presenciais nas unidades escolares da cidade tem sido discutida amplamente no Comitê Gestor de Retomada Gradativa das Atividades Econômicas do município e na Brigada da Pandemia na Educação, colegiado de diferentes setores da educação e que reúne as secretarias municipais de Assistência Social e de Saúde.

Deixe uma resposta

Comentários