Novos leitos de UTI do Santa Marcelina estão ocupados

Os dez leitos recém-inaugurado no Hospital Santa Marcelina de Itaquaquecetuba estão completamente ocupados. Na terça-feira passada a cidade recebeu dez Unidades de Terapia Intensiva (UTI) para reforçar o atendimento aos pacientes com coronavírus (Covid-19) e em menos de 48 horas os novos leitos já foram ocupados. No total, a unidade conta com 20 UTIs e 28 leitos de Enfermaria, todos igualmente ocupados.

A inauguração do hospital de campanha em Itaquá, nesta quarta-feira, chegou em boa hora considerando as atuais taxas de ocupação do principal hospital da cidade no combate da pandemia. Os 60 leitos custeados por uma parceria entre o governo do Estado e a Prefeitura deverão aliviar o sistema municipal além de atender pacientes de outras cidades do Alto Tietê.

Até então, o Santa Marcelina carregou o atendimento em Itaquá durante a pior fase da pandemia neste ano com apenas dez UTIs. Para auxiliar, o Santa Marcelina contou com vagas fornecidas pela Prefeitura em outras unidades, até ontem, esses leitos complementares apresentavam ocupação menos grave. Dos 35 leitos de Enfermaria e 11 de Emergência a cidade contabiliza 20 pacientes na Enfermaria e um na Emergência.

Nos hospitais regionais dos municípios vizinhos a ocupação já diminui, até mesmo a unidade de Ferraz de Vasconcelos que não registrava liberações há mais de um mês, marcou taxas reduzidas ontem. No Hospital Doutor Osíris Florindo Coelho, operam 26 leitos de UTI com 80,7% de ocupação e 26 de Enfermaria com 61,5% de ocupação.

Também pela rede estadual, em Mogi das cruzes, no Hospital Luzia de Pinho Melo, são 46 leitos de Enfermaria com 61% de ocupação e 33 de UTI com 76% de ocupação. No Hospital Doutor Arnaldo Pezzuti, no distrito de Jundiapeba, funcionam 30 leitos de Enfermaria com ocupação de 80,7% e os dez leitos de UTI, todos ocupados.

No Hospital Auxiliar de Suzano, a Secretaria de Estado da Saúde comunicou que possui 20 leitos de enfermaria com 41,2% de ocupação, destacando que essas taxas de ocupação variam no decorrer do dia.

Mortes

Arujá, Ferraz, Guararema, Itaquá, Mogi, Poá, Santa Isabel e Suzano foram as cidades que registraram mortes ontem no Alto Tietê. No total, foram 30 mortes confirmadas. A região já registrou 3.408 falecimentos por Covid-19.

*Texto supervisionado pelo editor.