GCM flagra descarte irregular de entulho

Responsável foi autuado em 50 Unidades Fiscais
Responsável foi autuado em 50 Unidades Fiscais - FOTO: Divulgação

A Patrulha Rural da Guarda Civil Municipal (GCM) de Mogi das Cruzes flagrou, no sábado passado, um descarte irregular de entulho, na estrada da Porteira Preta, no Jardim Aeroporto. O responsável foi autuado pelo Departamento de Fiscalização de Posturas pela infração em 50 Unidades Fiscais do Município (UFM), o correspondente a R$ 9.375,50.

O flagrante ocorreu durante patrulhamento realizado pelo grupamento na região da Porteira Preta. Os guardas municipais também fizeram uma verificação quanto ao responsável pelo veículos e nada foi detectado. Além da multa, o homem foi orientado sobre o procedimento correto para o descarte de entulho junto aos ecopontos.

Fiscalização

Entre a noite de sexta-feira e domingo passado, o Departamento de Fiscalização de Posturas recebeu 407 chamados pela Central de Integrada de Emergências Públicas (Ciemp). Deste total, 174 denúncias não eram procedentes.

Além da autuação por descarte irregular de entulho, no Jardim Aeroporto, foram registradas três autuações por desrespeito à Lei do Silêncio, nos bairros Mogilar, Vila Suíssa e Biritiba Ussú. Também ocorreram duas por desrespeito às normas de restrição para o enfrentamento à pandemia, no Mogilar e na Chácara Guanabara. Já no Rodeio e no Jardim Santa Tereza, foram feitas autuações por realização de pancadão.

As equipes ainda registraram uma multa por falta de licenciamento e outra por embaraço à fiscalização. Também ocorreram 22 notificações.

A população pode colaborar com denúncias, que podem ser feitas pelo telefone 153, da Ciemp, que funciona 24 horas por dia.