Poá volta com as consulta odontológicas nas UBSs

As consultas odontológicas no município de Poá foram retomadas e, desde o início deste mês de maio, o agendamento já está disponível em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS) e Estratégia de Saúde da Família (ESF), além do Centro de Especialidades Odontológicas (CEO). Em virtude da pandemia do coronavírus (Covid-19), o atendimento é realizado em número reduzido, com restrições e todos os cuidados necessários para preservar a saúde do munícipe e dos profissionais que realizarão os procedimentos.

Segundo a coordenação de Saúde Bucal da secretaria de Saúde do município, os atendimentos odontológicos foram suspensos no início da pandemia. "Para esta retomada preparamos diretrizes odontológicas que devem ser seguidas à risca. Serão feitos quatro consultas diárias agendadas, além de todas as urgências (dor de dente) que serão atendidas, somando assim 80 atendimentos por mês em cada unidade", explicou a responsável pelo setor, Juliana Pelini.

A secretária da pasta, Claudia Cristina de Deus, ressaltou que as consultas serão retomadas de acordo com o agendamento de cada unidade, para pacientes sem sintomas da Covid-19, dando prioridade para as pessoas que já estavam em tratamento e gestantes. "Sabemos a necessidade da população, por isso estamos voltando aos poucos, priorizando a segurança, tanto dos profissionais quanto dos pacientes, neste momento delicado de pandemia", disse.

A gestante tem direito ao pré-natal odontológico com realização de procedimentos, quando necessários, a partir do segundo trimestre. "Vale ressaltar que a saúde bucal precisa ser priorizada por este público, pois doenças como cárie e gengivite podem evoluir e levar a complicações como parto prematuro, por exemplo", enfatizou a coordenadora. Outros grupos prioritários também serão vistos de forma consciente evitando aglomerações.

Para realizar o agendamento, o munícipe deve procurar a recepção ou a sala do dentista da unidade mais próxima da sua residência, munido do RG, cartão SUS e comprovante de endereço. Os atendimentos são de segunda a sexta-feira, das 7h às 16h. "Lembrando que pacientes com sintomas da Covid-19 ou que moram com pessoas com suspeitas da doença não podem ser atendidas", finalizou Juliana.