Ferraz inaugura exposição de história da Festa da Uva

A Prefeitura de Ferraz de Vasconcelos inaugurou ontem a exposição que revive a história da Festa da Uva no município. A amostra está disponível para visitação no Palácio da Uva Itália, sede do governo ferrazense.

Entre imagens do cultivo das festas e exposições é possível observar o prestígio que a cidade havia alcançado recebendo inclusive políticos renomados à época, como o então governador Ademar de Barros.

Além da exposição, o Paço Municipal recebeu o plantio de uma muda da uva Campos da Paz, uma espécie 100% brasileira, variante da Uva Itália, que teve o início de seu cultivo iniciado no ano de 1927 em Ferraz.

A prefeita Priscila Gambale (PSD), que participou do plantio e da abertura da exposição ao lado de secretários municipais e vereadores, falou da alegria da administração estar resgatando a história do município.

"Devido à pandemia de Covid-19 e o impedimento para a realização da nossa Festa da Uva Fina, era fundamental realizar algumas atividades que não deixassem passar em branco nossa tradição", comentou a prefeita.

A organização das ações relacionadas ao resgate da história da uva em Ferraz de Vasconcelos ficou a cargo da Secretaria de Cultura e a gestora da pasta, Rose Crossi, comentou sobre o trabalho realizado. "Queremos resgatar a tradição da nossa cidade, reaquecendo o orgulho de ser ferrazense dos mais velhos e apresentando a rica história de Ferraz aos mais jovens", disse Rose.

O vice-prefeito e secretário de Desenvolvimento Econômico, Daniel Balke, comentou sobre as ações para investimento na agricultura familiar. "Nosso objetivo é fomentar a agricultura familiar. Hoje é um ato simbólico do resgate da nossa história, queremos trabalhar oferecendo conhecimento e estrutura para aqueles que queiram cultivar a uva em suas propriedades", falou Balke.

A exposição sobre a Festa da Uva Fina de Ferraz de Vasconcelos será itinerante e percorrerá locais de grande circulação no município. Esta é a segunda ação sobre o resgate da história da fruta na cidade, o primeiro foi o documentário lançado pela Secretaria da Cultura.