Arujá e Rotary promovem campanha para doar sangue

Agendamento para doação deve ser feito por telefone
Agendamento para doação deve ser feito por telefone - FOTO: Divulgação

A Prefeitura de Arujá apoia a campanha de doação de sangue feita pelo Rotary Club de Arujá Sul. A ação ocorrerá no dia 27 de maio, das 9 às 16 horas, nas dependências da Secretaria Municipal do Meio Ambiente, localizada na rua Fenacita, 500, no Jardim Fazenda Rincão. Para poder doar sangue, a pessoa deverá fazer o agendamento pelo telefone 99666-3382.

De acordo com a presidente do Rotary Club de Arujá Sul, Andrea Couto, essa vai ser a terceira campanha realizada pelo clube em Arujá, feita em parceria com o Hemocentro São Lucas.

Pessoas que contraíram coronavírus (Covid-19) podem doar sangue, se respeitarem um período mínimo após a melhora completa de sintomas. Para que estejam habilitadas a doar, após terem contraído a doença, é necessário que aguardem 30 dias e depois que todos os indicativos da doença tenham desaparecido.

No caso da pessoa que teve contato com alguém que tenha positivado ou que esteja com suspeita de estar com a Covid, a recomendação é que se aguarde 15 dias e só doe sangue caso não manifeste sintomas.

Segundo a médica hemoterapeuta Roberta Fachini, do Hospital Sírio-Libanês, em entrevista concedida à Agência Brasil do governo federal, até o momento, não houve evidências científicas de que o Sars-CoV-2 possa ser transmitido através de transfusões de sangue. "Felizmente, esse vírus, apesar de ser detectado, por exames de biologia molecular, também na corrente sanguínea, não existe nenhuma comprovação científica de que essa quantidade de vírus seja capaz de infectar um paciente pela via transfusional", afirmou.