Hospital Santa Maria de Suzano investe em televisita

Com o objetivo de reforçar cada vez mais o atendimento com humanização e acolhimento, aproximando os pacientes de seus familiares, o Hospital Santa Maria de Suzano tem investido na televisita, recurso tecnológico que também contribui para a recuperação deles.

O método é disponibilizado para pacientes das Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) e alas destinadas à internação, quando não há possibilidade de visita presencial.

São contemplados os pacientes que não estejam intubados ou sedados, sob avaliação prévia de equipes multidisciplinares e do setor de Psicologia, uma vez que há necessidade de capacidade de comunicação verbal (efetiva ou não). Eles precisam estar fora de ventilação mecânica ou invasiva constante, nem apresentar episódios de delírios ou hemodinâmica instável

O levantamento de março até a primeira quinzena de maio, aponta 72 televisitas por meio de tablet, com tendência de alta nas próximas semanas mediante adoção de protocolos rígidos de higienização.