Mogi das Cruzes abre novas vagas para agendamento

A Secretaria Municipal de Saúde de Mogi das Cruzes abre hoje, a partir das 14 horas, novas vagas de agendamento online para aplicação de primeira dose da vacina contra a Covid-19 em trabalhadores da saúde. O imunizante disponibilizado será a Astrazeneca e a imunização será realizada amanhã, em unidades de saúde de pontos distintos da cidade.

O interessado poderá escolher horário e local de acordo com as disponibilidades da agenda. Os pontos de vacinação serão: PSF Toyama; PSF Cocuera; PSF Jardim Planalto e PACS Nova Jundiapeba, além dos drive-thru Pró-Hiper, no Mogilar, e Bunkyo, na Porteira Preta.

Pode ser vacinado qualquer trabalhador maior de 18 anos (independente da função) que comprove trabalhar em estabelecimento de Saúde humana (hospitais, clínicas, ambulatórios e consultórios de atendimento à saúde, farmácias e drogarias); profissionais de saúde que atuam em assistência domiciliar (ex: doulas, parteiras, homecare); serviços de remoção/ambulância; estagiários e supervisores de estágio da área técnica de saúde que comprovem estágio atual ou a iniciar em data próxima.

Para receber a dose, o profissional deve apresentar, além da documentação pessoal (RG, CPF e comprovante de endereço em Mogi das Cruzes), o comprovante de atuação em estabelecimento de saúde. Devem levar: holerite ou comprovante de pagamento onde conste o nome do estabelecimento de saúde; levar também cópia do CNPJ ou CNES do estabelecimento. Não serão aceitas declarações isoladas, se apresentadas, devem estar acompanhadas da comprovação de vínculo com o estabelecimento, como holerite, comprovante de pagamento ou carteira de trabalho.

Já os estagiários e supervisores de estágio precisam entregar declaração com devidos dados da instituição de envio e assinatura do responsável e no texto deve estar escrito que está em estágio atual ou a iniciar ainda neste semestre. Junto com a declaração, devem comprovar o vínculo com a instituição de ensino por meio de contrato, crachá ou comprovante de pagamento da mensalidade.

Não serão vacinados no grupo trabalhadores da Saúde, prestadores de serviços externos aos estabelecimentos de saúde; representantes de medicamentos ou outros produtos hospitalares; profissionais de saúde que atuam em serviços de interesse à saúde como academia, clínicas de estética, salões de beleza, clínica de saúde animal, estabelecimentos de comércio de alimentos ou produtos médico hospitalares.

E também profissional de saúde que trabalha em escola ou indústria.