Prefeitura amplia prazo para cadastramento no programa

Estabelecimentos mogianos têm até 15 de junho para pedir o Auxílio Empresarial
Estabelecimentos mogianos têm até 15 de junho para pedir o Auxílio Empresarial - FOTO: Ney Sarmento/PMMC

A Prefeitura de Mogi das Cruzes prorrogou para o dia 15 de junho o prazo de cadastramento dos interessados no Auxílio Empresarial Mogiano. A medida foi adotada para que um maior número de contribuintes possa ser contemplado com o benefício, que busca a manutenção de empregos e de negócios impactados pela pandemia de Covid-19.

Até aqui, 722 empresas já se cadastraram para o programa. Deste total, 202 empresas já receberam a primeira parcela do Auxílio Empresarial Mogiano, totalizando R$ 160,2 mil em recursos.

O acompanhamento realizado pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico apontou que alguns empreendedores estão com dificuldades em dar entrada para pleitear o benefício pela sobrecarga de trabalho dos contadores, que estão trabalhando também nas declarações de imposto de renda, cujo prazo final é dia 31 de maio.

O Auxílio Empresarial Mogiano destina recursos às empresas, sem a necessidade de devolução posterior. O valor do auxílio depende do número de funcionários registrados pela empresa, com as parcelas variando de R$ 300 a R$ 1,5 mil - o correspondente ao limite de cinco funcionários contratados pelo regime CLT. O pagamento deve durar dois meses.

O benefício foi estudado dentro do Plano de Cooperação Empreendedores Mogianos, desenvolvido pela administração municipal desde o início deste ano.

Para ter acesso ao auxílio, empresários de Mogi das Cruzes que atuam em áreas não essenciais, optantes do Simples Nacional e que tiveram impactos causados pelas medidas de enfrentamento da pandemia podem fazer seu cadastro pelo endereço auxilioempresarial.mogidascruzes.sp.gov.br. O interessado deve preencher o formulário de solicitação e anexar os documentos necessários.

Após o cadastramento no site, a avaliação da solicitação é feita em um prazo de sete a dez dias. Para os solicitantes aprovados, o depósito do valor deverá ser feito em até cinco dias, na conta bancária da empresa. A resposta da solicitação será informada por e-mail ao interessado.

Para auxiliar os empreendedores, a Prefeitura disponibilizou em seu site uma cartilha para esclarecer as dúvidas, além das principais informações sobre a iniciativa, em formato de perguntas e respostas. A Prefeitura também mantém canais para atendimento aos empreendedores para o esclarecimento de dúvidas ou para mais informações: o e-mail [email protected] ou os telefones 4798-5171 (que também tem serviço de WhatsApp), 4798-5099 e o 4798-5148.

Deixe uma resposta

Comentários