Mais de 234 mil moradores do G5 entregaram a declaração do IR

Mais de 234 mil moradores do G5 - conjunto das cinco cidades mais populosas do Alto Tietê - entregaram a declaração do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física (IRPF) 2021. Até domingo passado - penúltimo dia para enviar o documento - cerca de 100,7% do total previsto para acertar as contas com o Leão neste ano efetuaram os ajustes com a Receita Federal. De acordo com o órgão público, 232.946 declarações foram emitidas na região no ano passado. O crescimento de 0,7% no número de contribuintes deste ano ficou dentro do esperado pelo governo, que considerava variações de até 2%, para cima ou para baixo, em relação aos registros de 2020.

O levantamento ainda pode sofrer alterações, considerando o envio de declarações daqueles que realizaram o processo nas últimas horas do prazo, que se encerrou às 23h59 de ontem. Aqueles que perderam o prazo ficam inadimplentes e terão de pagar uma multa que pode variar de R$ 165,74 a 20% do imposto devido.

De acordo com dados divulgados pelo governo federal, entre os dias 1° de março - data inicial do recebimento das declarações - e domingo, 234.614 pessoas efetuaram a operação fiscal, cerca de 1.668 declarantes a mais do que o contabilizado no ano passado. Levantamento realizado pelo grupo Mogi News permite verificar que milhares deixaram para entregar o IRPF nos últimos dias, considerando que entre quinta-feira e domingo, mais de 29 mil moradores ainda estavam em débito com a entrega da declaração.

Dentro do G5 o percentual de contribuintes em relação ao ano passado só ficou abaixo dos 100% em Mogi das Cruzes. Em números totais, foram enviadas 92.545 declarações em 2021, cerca de 98,7% dos 93.735 do ano passado.

No sentido oposto, Itaquaquecetuba registrou a maior elevação no número de contribuintes que cumpriram o prazo, até mesmo superando as estimativas da Receita Federal. Até o domingo passado, 42.516 itaquaquecetubenses prestaram contas com o Leão. No ano passado, foram 40.849, um crescimento de 4%.

Em seguida, Ferraz de Vasconcelos registrou um crescimento de 3% no número de contribuintes em relação ao ano passado. Foram 25.293 declarações enviadas até o domingo e 24.524 em 2020.

Com crescimento menor, mas dentro do estimado pelo governo federal, ficaram as cidades de Suzano e Poá. Em Suzano, o crescimento foi de 0,7%: foram 53.359 contribuintes neste ano em comparação com os 52.961 do ano anterior. Já em Poá, o aumento foi de 0,1%. Ao todo foram 20.901 declarações entregues, 24 a mais do que as enviadas em 2020.

*Texto supervisionado pelo editor.

Deixe uma resposta

Comentários