Mogi soma 11 autuações por desrespeito à pandemia

A Secretaria Municipal de Segurança de Mogi das Cruzes somou, na semana passada, um total de 11 autuações por desrespeito às medidas restritivas necessárias para conter a pandemia da Covid-19. Ao todo, a Pasta recebeu 389 chamados junto à Central Integrada de Emergências Públicas (Ciemp) entre a segunda-feira retrasada e o domingo passado, sendo que 198 deles eram improcedentes.

Sete estabelecimentos comerciais foram autuados nos bairros Jardim Esperança, Conjunto Santo Ângelo, Jundiapeba, Jardim Planalto, Vila Patêrnio e Jardim Armênia. Já os quatro pancadões ocorreram em Jundiapeba, Mogilar, Rodeio e Jardim Santos Dumont.

Ainda de acordo com a Secretaria Municipal de Segurança, foram registradas também sete multas por desrespeito à Lei do Silêncio nos bairros Vila Oliveira, Vila Industrial, Conjunto Santo Ângelo, Parque Olímpico, Vila Joia e Vila Cintra. Outras duas ocorreram por queimas de resíduo, em Cesar de Souza e Vila São Francisco.

Outras cidades

Já durante a ação mais recente da Prefeitura de Suzano, sete estabelecimentos foram autuados em razão do descumprimento do horário máximo permitido para presença de público e consumo no local. Os autos de infração registrados nas noites de sexta-feira e do sábado passado seguem as restrições do decreto municipal para evitar a evolução da pandemia pelo coronavírus.

Ao todo, foram autuados seis comércios na região central e um no bairro Parque Samambaia, sendo eles cinco bares, uma lanchonete e uma pastelaria. A Pasta ressaltou ontem que participaram da ação as equipes da Vigilância Sanitária, do Departamento de Fiscalização de Posturas, da Guarda Civil Municipal (GCM) e da Polícia Militar (PM).

Já no município de Poá, houve uma ocorrência referente a um clube de motoqueiros, também no final de semana passado, que realizou um evento de grande escala sem autorização, fechando duas vias públicas. Com o apoio da PM e GCM, o acesso ao local foi liberado e o evento encerrado sem complicações.

Ainda no final de semana passado na rua Barra do Una, em Itaquaquecetuba, as equipes da Guarda Municipal apreenderam um "paredão". Segundo a Prefeitura de Itaquá, este é um equipamento com alta potência em termos de difusão de som, "que acaba com a paz e tranquilidade dos moradores".

No município, as ações se pautam pela mediação de conflitos.