8,8 mil mogianos entregaram a declaração nas últimas 24h

No comparativo com 2020, foram entregues 7.683 declarações a mais em Mogi
No comparativo com 2020, foram entregues 7.683 declarações a mais em Mogi - FOTO: Mogi News/Daniel Carvalho

Mais de 8,8 mil mogianos entregaram a declaração do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física (IRPF) 2021 nas últimas 24 horas do prazo. No total, 101.418 moradores acertaram as contas com a Receita Federal neste ano, o número de declarações supera em 8,1% o acumulado entregue em 2020. O crescimento no número de contribuintes de Mogi, no entanto, foi o menor da região, esse destaque ficou com Itaquaquecetuba e Ferraz de Vasconcelos.

Na segunda-feira passada - último dia do prazo para entrega das declarações - 8.873 mogianos correram para prestar contas ao Leão e evitar entregar a declaração com multa. A Receita Federal não informou a quantidade de contribuintes que perderam o prazo. Os que não entregaram a declaração a tempo terão de pagar uma multa que pode variar de
R$ 165,74 a 20% do imposto devido.

Neste ano, algumas regras anteriores continuaram valendo, como a obrigatoriedade da declaração para todos que acumularam rendimentos tributáveis em valores acima de R$ 28.559,70. A novidade é para quem recebeu o Auxílio Emergencial do governo federal no ano passado.

Para esse grupo beneficiário, a declaração deverá incluir o benefício, mas apenas para aqueles que somaram rendimentos maiores de
R$ 22.847,76. Com a nova regra, a Receita Federal pretende reaver o valor do auxilio pago indevidamente. Em todo o país, até 3 milhões de pessoas deverão fazer a devolução.

No comparativo com 2020, foram entregues 7.683 declarações a mais só em Mogi, mas comparado as demais cidades do G5 - conjunto dos cinco municípios mais populosos do Alto Tietê - o crescimento proporcional de declarantes mogianos foi o menor da região.

Itaquá ficou no topo da lista com um crescimento de 12,1%. No total, foram entregues 45.812 declarações, 3.296 delas nas últimas 24 horas do limite do prazo. Em 2020 haviam sido contabilizados impostos de 40.849 contribuintes, portanto, Itaquá expandiu sua lista de moradores declarantes em mais de 4,9 mil pessoas.

Em seguida, Ferraz de Vasconcelos informou um aumento de 10,4%. Foram entregues 27.084 declarações, 1.791 no último dia do prazo. Suzano ficou na 3° posição com crescimento de 9,2% no número de contribuintes em 2021, ao todo 57.840, dos quais 4.481 tiveram de correr para evitar a inadimplência. Poá expandiu o número de contribuintes em 8,3%, no total foram 22.618 declarações, 1.717 no limite do prazo.

*Texto supervisionado pelo editor.