Produtores e moradores da zona rural farão testes da Covid-19

Trabalhadores que atuam no campo passarão por exames rápidos do tipo IGG/IGM
Trabalhadores que atuam no campo passarão por exames rápidos do tipo IGG/IGM - FOTO: Mariana Acioli/Arquivo

Produtores rurais e moradores da zona rural de Mogi das Cruzes serão testados nos dias 13 e 20 deste mês para a detecção da Covid-19. A aplicação dos 2,7 mil testes rápidos (IGG/IGM), disponibilizados pelo Sindicato Rural de Mogi das Cruzes, por meio da Faesp/Senar-SP e Ministério da Saúde, por intermédio da Fundação Oswaldo Cruz - Fiocruz, conta com a parceria da Prefeitura de Mogi das Cruzes, por meio das secretarias de Agricultura e Saúde e apoio da Associação dos Agricultores do Cocuera e da Associação Rural de Pindorama.

Os testes serão aplicados no Cocuera, no dia 13, e em Pindorama, no dia 20. O horário é das 9 às 16 horas. Para fazer o teste é preciso fazer o cadastro antecipado pelo WhatsApp 96700-6499. O morador ou produtor deve fazer o cadastro e indicar o local em que fará a testagem. Será gerado um código que terá de ser apresentado junto a um documento com foto no dia do teste.

A testagem irá monitorar a situação da pandemia no campo. "Toda a cadeia produtiva do campo não parou desde o início da pandemia para garantir o abastecimento e a alimentação da população. É importante que os moradores e produtores participem desta testagem para verificarmos como está a situação da pandemia no campo", disse o secretário de Agricultura, Felipe Almeida.

O presidente do Sindicato Rural, Gildo Saito, ressaltou a importância da aplicação dos testes. "Este monitoramento visa promover meios para que o homem do campo continue suas atividades, garantindo o abastecimento e a alimentação da população, além da identificação de possíveis pessoas contaminadas pela doença". A instituição já havia doado mais de 12 mil máscaras para a população rural do município. Mais informações pelos telefones 4723-8233 (Sindicato Rural) e 4798-5136 (Secretaria de Agricultura).

Profissionais da Saúde

A Prefeitura de Mogi das Cruzes está abrindo uma lista de pré-cadastro online para profissionais da Saúde que ainda não foram imunizados contra a Covid-19. O sistema é destinado para veterinários, educadores físicos, fisioterapeutas, profissionais de estética, dentre outros trabalhadores da área, com objetivo de mapear essa demanda para planejar o atendimento. Tão logo seja concluído, a ideia é organizar um Dia D de vacinação, complementando a imunização dos grupos.

"O pré-cadastro ainda não é o agendamento online e sim uma forma de quantificarmos o número de profissionais da Saúde que ainda não foram imunizados na cidade", explicou a secretária de Saúde em exercício, Andreia Godoi. O pré-cadastro pode ser acessado no site da Prefeitura: www.cliquevacina.com.br. As informações solicitadas são semelhantes ao agendamento online, como dados pessoais e profissionais.

Até momento, o município já aplicou 27.324 doses da vacina contra a Covid-19 em trabalhadores da Saúde. Deste total, foram 15.674 primeiras doses e 11.650 segundas doses. Neste grupo estão incluídos pessoas em diferentes categorias regulamentadas ou trabalhadores de apoio, como recepção, motoristas, serviços de limpeza, que atuem em hospitais, pronto atendimentos, ambulatórios, clínicas e consultórios de saúde humana, drogarias, homecare, serviço de remoção/ambulância, estagiários da área de Saúde em atuação.

Deixe uma resposta

Comentários