Startups do Polo Digital trazem soluções de tecnologia

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Mogi das Cruzes realizou na semana passada um encontro entre os integrantes do Comitê de Tecnologia da Informação e Inteligência de Dados (CTIID), da Prefeitura, e as startups participantes do Programa de Incubação do Polo Digital. A intenção é que os representantes da administração municipal possam conhecer soluções que estão sendo desenvolvidas, focadas em resolver problemas da cidade.

O CTIID é uma iniciativa inédita na gestão municipal. O grupo é formado por representantes de diversas secretarias e tem função de fazer avaliações mais amplas, técnicas e criteriosas sobre as soluções tecnológicas que a gestão pública demanda.

A edição deste ano do Programa de Incubação é voltada para startups que tragam soluções para desafios da gestão de políticas públicas em diferentes pastas, trabalhando os conceitos voltados à GovTechs e Cidades Inteligentes.

"A aproximação entre as startups e a administração municipal é importante tanto para a Prefeitura, que conhece com mais detalhes as soluções que estão sendo desenvolvidas, quanto para os desenvolvedores, que passam a ter mais informações sobre necessidades que possam ser supridas. Este cenário permite que a Prefeitura possa participar mais ativamente do apoio aos empreendedores", destacou o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Gabriel Bastianelli.

Ele lembrou ainda que a atuação das startups e o encontro com o CTIID têm três pilares importantes da administração municipal: o governo digital, a inovação no serviço público e a utilização de tecnologia para dar mais eficiência e agilidade para o atendimento à população. Os secretários de Gestão, Flávia Goulart, e de Finanças, Ricardo Abílio, também participaram do encontro, além dos responsáveis pela área de tecnologia da Prefeitura, Shauy Youssef e Lexandro Andrade Galvão de Melo e representantes do Gabinete.

As startups que participam do programa deste ano são A Tenda com Jogos, Brasil Clin, Agylog, Conecta Pulse, Educaton, Muteki, Psiquedu, Wisethings e Tec Academy.

O Programa de Incubação foi iniciado em março, com uma palestra online de Guilherme Dominguez, um dos fundadores do BraziLab. Devido às restrições trazidas pela pandemia, algumas atividades foram realizadas de forma remota, como mentorias e o diagnóstico dos negócios. Com a evolução das medidas restritivas, os participantes passaram a atuar no Polo Digital, respeitando as normas de segurança sanitária.

Deixe uma resposta

Comentários