Mogi chega à marca de 150 mil vacinados com a primeira dose

Município já aplicou 49.055 segundas doses, o que totaliza 199.452 aplicações
Município já aplicou 49.055 segundas doses, o que totaliza 199.452 aplicações - FOTO: Tânia Rêgo/Agência Brasil

Mogi das Cruzes chegou ontem à marca de 150.397 pessoas imunizadas com a primeira dose contra a Covid-19, praticamente um terço dos moradores. Com isso, cerca de 32% da população da cidade, que possui pouco mais de 450 mil habitantes, já recebeu algum tipo de proteção. "É uma marca muito importante porque desde a primeira dose já se inicia a proteção do indivíduo contra casos graves e mortes. Mas é importante que toda população não baixe a guarda e mantenha os cuidados pessoais como uso de máscara, distanciamento social e higiene constante das mãos", explicou a secretária municipal de Saúde, Andréia Godoi.

O município também já aplicou 49.055 segundas doses, o que totaliza 199.452 aplicações dos três tipos de imunizante disponibilizados pelo governo do Estado: CoronaVac, Pfizer e AstraZeneca.

Hoje, haverá vacinação para diversos grupos que já agendaram a aplicação no sistema Clique Vacina ao longo da semana.

A imunização ocorrerá nos dois drive-thru, no Cempre de Jundiapeba, em UBS's e no Pró-Mulher para atender pessoas com 47 anos ou mais sem comorbidades, pessoas com comorbidades e/ou deficiência permanente grave a partir de 18 anos; gestantes e puérperas; trabalhadores da Educação e Transporte, dentre outros.

O agendamento online continua pelo site http://www.cliquevacina.com.br. Para receber a dose no local, o cadastrado deve comparecer munido de documentos pessoais (RG e CPF) e comprovante de endereço.

Os municípios da região do Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê (Condemat) recebem hoje doses complementares para imunização de pessoas com faixa etária entre 43 e 49 anos. O novo lote conta com 23.620 doses do imunizante do laboratório Janssen. Somado ao lote de Pfizer recebido na quarta-feira passada, a região conta com 65.662 doses para atender este público. Este é o primeiro lote da Janssen que chega à região. A vacina é a primeira aprovada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) com o regime de imunização de apenas uma dose.

Mortes

Nas últimas 24 horas o Alto Tietê registrou a morte de 11 pessoas, causadas pelo coronavírus (Covid-19), informou na tarde de ontem o Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê (Condemat).

Os óbitos foram registrados em Ferraz de Vasconcelos, que confirmou dois falecimentos; Itaquaquecetuba, que informou a morte de duas pessoas; Mogi das Cruzes, com seis óbitos e Suzano, que revelou a ocorrência de uma vítima fatal. Com a atualização de ontem, o Alto Tietê chega a 4.492 mortes por coronavírus.

A maioria dos óbitos ocorreram na cidade de Mogi das Cruzes, que possui 1.343 vítimas fatais. Na sequência surge Itaquaquecetuba, com 854 vítimas confirmadas. Suzano tem 812 falecimentos por Covid-19 confirmados.