40 moradores de Arujá serão atendidos pelo SP Acolhe

O governo do Estado anunciou que atenderá 40 moradores de Arujá pelo Programa SP Acolhe, lançado ontem pelo governador João Doria, no Palácio dos Bandeirantes, que visa a oferecer auxílio mensal de R$ 300 a famílias vulneráveis que perderam ao menos um integrante do núcleo familiar por coronavírus (Covid-19) desde o começo da pandemia. Este é um dos benefícios do Bolsa do Povo, informou o governo estadual.

A secretária municipal de Assistência Social, Marina Bernardo da Costa Antonio, compareceu ao lançamento. A iniciativa vai beneficiar famílias inscritas no CadÚnico com renda mensal de até três salários-mínimos que tenham perdido ao menos um familiar vítima de COVID-19, podendo ser pai, mãe, avô, avó, filho, filha ou outro parente, desde que a morte tenha ocorrido dentro do núcleo familiar.