Trecho do córrego Tucunduva recebe obras de revitalização

Projeto também busca acabar com as ligações clandestinas que existem no local
Projeto também busca acabar com as ligações clandestinas que existem no local - FOTO: Ronaldo Andrade/Secom Poá

A Secretaria de Meio Ambiente, Recursos Naturais e Serviços Urbanos de Poá realizou na manhã da terça-feira passada uma ação de revitalização do primeiro trecho do córrego Tucunduva, localizado na região central, em parceria com a Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo. A ação faz parte do programa Junho Mais Verde, que tem como objetivo conscientizar as pessoas sobre a importância de cuidar das questões ambientais.

A ação também faz parte do programa de Governança Colaborativa, que visa a retirada de ligações clandestinas de esgoto do córrego Tucunduva e consiste no plantio de flores pela extensão do referido trecho, de forma intercalada, além da implantação de espelhos com a escrita "Quem mais pode ajudar a despoluir o Rio Tietê?".

"Fizemos apenas o primeiro trecho do córrego, mas queremos realizar essa ação em todo o Tucunduva, pois além de deixar o local muito mais bonito, também conscientiza as pessoas sobre a importância de não poluir o córrego", afirmou a secretária de Meio Ambiente, Claudete Canada.

De acordo com o representante da Sabesp, o técnico de Saneamento, Agnaldo José dos Santos, a Companhia busca parceria com prefeituras com o objetivo de preservar o meio ambiente. "Essa conscientização é necessária para chamar a atenção da população para as questões ambientais, como a preservação da limpeza dos córregos, por exemplo", destacou.

Governança

O programa Governança Colaborativa é uma parceria entre a Prefeitura e a Sabesp e tem como objetivo promover a limpeza do córrego, com a retirada das impurezas que chegam por meio de despejo irregular de esgoto. "Existem muitas residências que não estão incluídas na rede da Sabesp, por isso haverá uma ação da companhia e da prefeitura, por meio de comunicados, para informar sobre a necessidade da regularização do sistema de esgoto", explicou a secretária.

Em Poá, esse programa recebeu o nome de Córrego Vivo e tem como principais ações a regularização de fontes de poluição por lançamentos clandestinos de esgotos nas galerias de águas pluviais ou diretamente nos cursos d'água não canalizados. A Sabesp é a responsável pelo mapeamento, inspeção e manutenção de redes coletoras, bem como a execução das obras de remanejamento, ligações, interligações e prolongamento de redes coletoras, além do monitoramento da qualidade das águas.