Região recebe vacina para pessoas de 37 a 39 anos

Os municípios do Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê (Condemat) recebem hoje um novo lote com 132.980 imunizantes contra o Coronavírus. A remessa é composta por 112.855 vacinas Janssen, CoronaVac e AstraZeneca destinados à primeira dose para pessoas de 37 a 39 anos, e 20.125 doses de AstraZeneca para completar a primeira dose para pessoas de 40 a 59 anos.

Com o novo lote, a região alcança a marca de 1.690.039 vacinas recebidas.

A Prefeitura de Mogi das Cruzes abre novos agendamentos online da vacinação contra a Covid-19 nesta próxima semana. Hoje às 8 horas, serão liberadas 1.600 vagas para pessoas com 40 anos ou mais. Amanhã, às 8 horas, serão disponibilizadas segundas doses. A população deve ficar atenta para não efetuar o cadastro erroneamente e, desta forma, tirar a vaga de quem precisa complementar a imunização.

As vagas de segunda dose são destinadas com exclusividade para quem tomou a primeira dose da AstraZeneca até o dia 15 de abril e a primeira dose da CoronaVac até o dia 12 de junho. "Estamos pedindo que as pessoas respeitem rigorosamente o calendário e fiquem atentas para evitar agendamentos errados", alertou a chefe da Vigilância Epidemiológica, Lilian Peres Mendes.

Todos os agendamentos devem ser feitos por meio do site www.cliquevacina.com.br Para tomar a primeira dose, o munícipe deve apresentar, no local agendado, documento pessoal com foto, CPF e comprovante de endereço. Já a segunda dose exige, ainda, apresentação do comprovante da primeira.

A programação em Mogi está seguindo o cronograma de imunização por faixas etárias divulgado pelo governo do Estado e as vagas são disponibilizadas de acordo com os quantitativos de doses enviadas ao município.

Mortes

O Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê (Condemat) informou ontem que 72 pessoas da região morreram de coronavírus (Covid-19), nas últimas 72 horas. Os números levaram a região a registrar, desde março do ano passado, 4.692 óbitos em razão da doença.

As vítimas eram residentes nos municípios de Biritiba Mirim, Ferraz de Vasconcelos, Itaquaquecetuba, Mogi das Cruzes, Poá e Suzano.

Em Mogi, o registro de hoje se refere a óbitos ocorridos entre os dias 19 de março e 30 de junho, e é resultado de uma força-tarefa de atualização por meio de um trabalho conjunto com as instituições e cobranças de notificações pendentes. Essa atualização praticamente elimina pendências de óbitos na cidade.