11 famílias vão receber R$ 300 em Guararema

A Secretaria Municipal de Assistência Social informou nesta semana que Guararema conta com 11 famílias que receberão o auxílio mensal de R$ 300 disponibilizado pelo governo do Estado a famílias vulneráveis que perderam ao menos um integrante do núcleo familiar por coronavírus (Covid-19). De acordo com a Pasta, o pagamento será realizado pelo governo estadual diretamente às famílias que serão beneficiadas pelo programa SP Acolhe.

O benefício de R$ 1,8 mil será pago em seis parcelas mensais de R$ 300, entre os meses de julho e dezembro de 2021. A previsão é que o benefício comece a ser pago a partir do dia 20 de julho.

"Toda ajuda às famílias em vulnerabilidade é sempre bem vinda. O Programa SP Acolhe tem por objetivo amparar as famílias em maior fragilidade social", explicou o secretário municipal de Assistência Social, Eduardo Moreira. "A Secretaria de Assistência Social de Guararema vem mantendo contato com essas famílias em vulnerabilidade, tanto para entender as necessidades delas, quanto para atualização dos cadastros necessários para que benefícios como esses cheguem a elas", completou.

A iniciativa vai beneficiar famílias inscritas no CadÚnico com renda mensal de até três salários-mínimos que tenham perdido ao menos um familiar vítima do coronavírus, podendo ser pai, mãe, avô, avó, filho, filha ou outro parente, desde que a morte tenha ocorrido dentro do núcleo familiar. O programa considera todas as estruturas familiares, exceto a unifamiliar (uma única pessoa), com filhos de todas as idades.

Para saber se a família tem direito ao benefício, basta acessar o site do Bolsa do Povo (www.bolsadopovo.sp.gov.br) e verificar se está apto a receber este benefício.