Núcleo de Atendimento de Poá pode receber o Poupatempo

Na primeira avaliação, agente estadual destacou que estrutura tem boa localização, espaço e acessibilidade
Na primeira avaliação, agente estadual destacou que estrutura tem boa localização, espaço e acessibilidade - FOTO: Tatiane Santos/Secom Poá

A Prefeitura de Poá iniciou as tratativas para a instalação do Poupatempo no município com a visita do fiscal do órgão estadual, José dos Santos Lopes, na tarde de ontem. O técnico veio avaliar as dependências do Núcleo de Atendimento à População (NAP), na região central da cidade, como uma possível sede do serviço. A previsão para instalação completa é até o final do ano.

O fiscal foi recebido pela prefeita Marcia Bin (PSDB); o vice-prefeito Geraldo Oliveira; e os secretários Marcio Borzani (Governo) e Alcides Leme da Silva Júnior (Indústria, Comércio, Emprego e Relações do Trabalho), bem como o vereador David de Araújo Campos.

Em sua primeira visita ao local, o fiscal do Poupatempo sinalizou uma avaliação positiva do NAP para receber a unidade estadual em Poá. "O prédio está em uma boa localização, possui acessibilidade, bem como possui a metragem perfeita para o número de habitantes que a cidade tem atualmente, que é de no mínimo 300 metros", detalhou o profissional.

O posto oferecerá mais de 180 serviços digitais e conta com atendimento integrado de diversos órgãos em um só local. Todo o equipamento e mobiliário é de responsabilidade do governo do Estado. "Estamos muito ansiosos e animados com os benefícios que o Poupatempo trará para nosso município. Mais um importante passo para os avanços que teremos em nossa cidade nos próximos anos", declarou a prefeita Marcia Bin.

Próximo passo

O próximo passo agora é o envio do relatório da vistoria feito pelo fiscal para a empresa de engenharia responsável pela instalação. Já a Prefeitura de Poá, deve fornecer todos os dados sobre a infraestrutura, atendimento e a planta do imóvel para dar seguimento ao processo.

"Já estamos providenciando toda a documentação para que o equipamento fique pronto o quanto antes. Isso faz parte do desenvolvimento da cidade e os munícipes não mais precisarão se dirigir para outras cidades para utilizar e se beneficiar da qualidade dos serviços do Poupatempo", explicou o secretário Alcides Leme da Silva Júnior.