em sete meses

Pagamento de impostos cai 20,5% no G5 do Alto Tietê

Contribuintes pagaram R$ 650 milhões neste ano contra R$ 819 milhões no mesmo período do ano passado

André Diniz
01/08/2021 às 05:30
Atualizada em 01/08/2021 às 05:30.
Divulgação

Divulgação

O valor de impostos pagos pelos contribuintes dos cinco municípios mais populosos do Alto Tietê, o G5, para as esferas de governo municipal, estadual e federal, apresentou redução um pouco maior do que 20% durante esses primeiros sete meses em relação ao mesmo período ano passado, apontou o Painel Impostômetro, da Associação Comercial de São Paulo (ACSP).

Os números disponibilizados publicamente levam em conta as bases de dados da Receita Federal, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Secretarias de Estado da Fazenda e Tribunais de Contas da União, Estados e Municípios. De acordo com o Impostômetro, foram pagos pelos contribuintes do G5 regional R$ 650,668 milhões em impostos, ante os R$ 819,184 milhões no mesmo período do ano passado, uma queda de 20,5%.

Em Mogi, o pagamento de tributos entre janeiro e julho de 2021 foi de R$ 247,682 milhões, sendo que no mesmo período em 2020 foi de R$ 320,879 milhões, uma redução de 22,8%.

A segunda cidade com maior arrecadação de impostos em 2021 no Alto Tietê foi Poá, que registrou R$ 152,582 milhões nos primeiros sete meses deste ano. A cidade, que vem passando por uma crise desde o início do ano, quando decretou estado de calamidade financeira, superou o pagamento de taxas e impostos no ano passado, que foi da ordem de R$ 143,379 milhões: um aumento de 6,41%.

Suzano foi outra das cidades que teve queda na arrecadação entre 2020 e 2021. Entre janeiro e julho do ano passado, a Cidade das Flores registrou R$ 171,343 milhões pagos para as três esferas de governo, mas neste ano foram R$ 129,390 milhões. A queda na arrecadação representa 24,4%.

Itaquaquecetuba também teve queda nos valores quitados com impostos e tributos neste ano. Entre janeiro e julho deste ano foram R$ 93,332 milhões, sendo que no ano passado foram R$ 152,171 milhões, uma queda de 38,66%.

A cidade de Ferraz de Vasconcelos foi a que teve numericamente a menor queda no pagamento de impostos, no entanto,. Segundo a ferramenta da Associação Comercial de São Paulo, os contribuintes ferrazenses tiraram dos bolsos R$ 27,682 milhões neste ano, contra R$32,412 milhões no ano passado, fechando estes primeiros sete meses com uma diminuição de 14,5%.

Quem Somos

Fundado por Paschoal Thomeu – circulou em 22 de novembro de 1975. Em 1992, o administrador de empresas e publicitário Sidney Antonio de Moraes adquiriu a marca e relançou o jornal em 27 de outubro. O projeto foi ganhando força e, em 23 de abril de 1997, o jornal, até então preto-e-branco e veiculado apenas uma vez por semana, passou a circular colorido e bissemanalmente. Em 18 de maio do mesmo ano, a circulação foi ampliada para trissemanal e, finalmente, em 21 de junho de 1997 concretizou-se o lançamento do Mogi News diário. São inúmeras ações que, aliadas à qualidade editorial e gráfica, consagram o Mogi News como o jornal mais lido e respeitado do Alto Tietê

Entre em contato:

Reclamações ou sugestões:

redacao@portalnews.com.br

Comercial e parcerias:

contato@portalnews.com.br

© 2021 Todos Os Direitos Reservados Ao Portal News de Comunicação

Desenvolvido por

Distribuído por