Taxa de ocupação das UTIs em Mogi continua em queda

Nos leitos de Enfermaria, a ocupação é de 26,4%
Nos leitos de Enfermaria, a ocupação é de 26,4% - FOTO: Divulgação/PMMC

Em constante declínio, a taxa de ocupação por pacientes em tratamento do coronavírus (Covid-19) nos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) atingiu, ontem, os 37,7% em Mogi das Cruzes. Os dados estão disponíveis no site oficial da Prefeitura, atualizado diariamente pela Secretaria Municipal de Saúde. Nos leitos de Enfermaria a ocupação ontem era de 26,4%.

Os números se referem às seguintes unidades: Hospital Municipal de Mogi, Santa Casa de Misericórdia, Hospital Luzia de Pinho Melo, Hospital Ipiranga, Biocor, Mogi Mater e Santana. Segundo o Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê (Condemat), a cidade chegou ontem à marca de 1.589 mortos pela Covid-19.

Enquanto isso, um total de 35.329 pessoas já contraiu a doença desde o início da pandemia. Neste levantamento, o Condemat considera a quantidade de diagnósticos positivos e por este motivo é possível que o número seja ainda maior, considerando as pessoas que contraíram o vírus e não realizaram os testes da doença.

Em Suzano, o índice de ocupação dos leitos por pacientes com a Covid-19 era de 5,7% na tarde de ontem, segundo informações dispostas pela Secretaria Municipal de Saúde. Fazem parte do levantamento o Pronto-Socorro Municipal (PS), Santa Casa de Misericórdia, Hospital Santa Maria e Hospital Saint Nicholas.

As duas últimas unidades são da rede particular, onde a Pasta oferta vagas de internação por meio de convênios firmados. Em Suzano, até ontem ocorreram 905 mortes e outras 23.116 pessoas receberam o diagnóstico positivo para a doença.

O Alto Tietê registrou, nas últimas 24 horas, sete óbitos por coronavírus, totalizando 5.140 mortes desde o início da pandemia. (T.M.)