Encontro em Mogi destaca a necessidade de incentivo

Objetivo da reunião foi conectar e ajudar umas as outras
Objetivo da reunião foi conectar e ajudar umas as outras - FOTO: Gabriel Bispo/PMMC

Mogi - Uma reunião realizada na quarta-feira passada, no auditório da Prefeitura de Mogi das Cruzes, abordou a força das empreendedoras e sua importância na economia mogiana, principalmente no momento em que acabam as restrições de horários de funcionamento no comércio, conforme atualização do Plano São Paulo anunciada esta semana pelo governo do Estado. A vice-prefeita Priscila Yamagami Kähler comandou a reunião, que contou com a presença de mulheres ligadas à formação empreendedora e defendeu a importância de dois pilares da atual gestão - o diálogo e a participação permanentes - como ferramentas para impulsionar o trabalho das empreendedoras e a economia da cidade de uma forma geral.

"É um prazer participar de uma reunião como essa, com tantas empreendedoras que contribuem para a valorização das mulheres e para o desenvolvimento sustentável de Mogi das Cruzes. O empreendedorismo feminino não é simplesmente o fato de mulheres estarem criando e gerenciando seus negócios. O significado vai muito além disso, e engloba encorajamento, representatividade, enfrentamento de diversos dilemas e muita conexão. Há muito tempo penso nessa necessidade de cooperação entre uma grande rede e articular isso faz total sentido na nossa gestão", disse Priscila, que também coordena o Comitê de Retomada Econômica.

O objetivo desse primeiro encontro foi conectar um grupo de mulheres com experiência na formação empreendedora e dispostas a contribuir e ajudar que outras conquistem seus espaços, descubram seus propósitos de vida, se aperfeiçoem e sejam independentes, desde artesãs até aquelas que desejam ter uma startup, incentivando a fomentação de negócios