Campanha de conscientização ambiental Ciclos é lançada

Mogi- O Fundo Social está lançando nesta semana a campanha de conscientização ambiental (Ciclos), que vai beneficiar a causa animal e também instituições e projetos sociais. A ação vai trabalhar com três tipos de materiais, que serão arrecadados e convertidos em ajuda às causas citadas: tampas plásticas, lacres de latas de alumínio e embalagens cartonadas (Tetra Pak).

Ciclos, portanto, é uma ampliação da campanha já existente, de arrecadação e conversão de tampas plásticas em ração para protetores de cães e gatos da cidade. Esse trabalho continuará ocorrendo - 100% das tampas plásticas arrecadadas seguirão beneficiando a causa animal. Agora, contudo, o Fundo Social também pedirá arrecadação de lacres de alumínio e embalagens cartonadas, que serão encaminhados para instituições e projetos sociais e servirão a eles como ferramenta para a geração de recursos.

A campanha se inicia já com uma ação específica, de apoio à Associação de Moradores do Jardim Planalto. A entidade, que desenvolve um amplo projeto social com a comunidade do entorno, busca recursos para reformas em sua estrutura física e foi selecionada a partir da parceria do Fundo Social com o coletivo Okara Ambiental e o projeto Recicla Cidade, patrocinado pela Tetra Pak. Por isso, as caixas cartonadas recebidas num primeiro momento serão encaminhadas à associação, para que ela obtenha recursos e possa custear esse trabalho.

"É um programa socioambiental, que visa conscientizar as pessoas sobre a possibilidade do reaproveitamento de diversos materiais que utilizamos no nosso dia a dia e muitas vezes são descartados, ao mesmo tempo em que temos a oportunidade de ajudar a causa animal e instituições e projetos da nossa cidade", destacou a presidente do Fundo Social de Mogi, Simone Margenet Cunha.

O nome da campanha - Ciclos - refere-se a toda trajetória, dentro de uma concepção ambientalmente correta, percorrida por esses materiais. Ou seja, atenta para o fato de que não só esses materiais devem ser retirados do meio ambiente, a partir da separação dos mesmos, como também para o fato de que eles podem se transformar em outros itens, gerando recursos e possibilitando beneficiar causas diversas.

A ideia é seguir estimulando as pessoas a fazerem a separação desses materiais e destiná-los ao Fundo Social. As entregas de arrecadações podem ser feitas na sede do Fundo Social, no primeiro andar da Prefeitura ou nos pontos de coleta, instalados em estabelecimentos parceiros.

A Ciclos será uma campanha permanente do Fundo Social. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 4798-5143.