Saúde oferece tratamento contra vício às mulheres

Ferraz - A dependência em álcool e drogas é uma problemática em toda a sociedade, mas o assunto se torna mais delicado quando envolve o público feminino. Em Ferraz de Vasconcelos, a percepção sobre essa peculiaridade fez com que o Centro de Atenção Psicossocial em Álcool e Drogas (Caps-AD) criasse um grupo específico para elas intitulado "De mulher para mulher" que, atualmente, atende cerca de 30 pessoas. O atendimento é aberto a todas com mais de 18 anos e moradoras da cidade.

O tratamento oferecido pelo Caps-AD é totalmente gratuito. Diariamente um profissional fica de plantão para atender prontamente quem procurar o serviço. O acompanhamento é de, no mínimo, seis meses e feito por uma equipe multidisciplinar composta por enfermeiros, médico, psicólogo, psiquiatra e assistente social.

A coordenadora do projeto, Márcia Eleodério, explica que com o grupo de mulheres são abordadas as questões de gênero, sexualidade, saúde física e mental e também as violências. "O álcool é o primeiro acesso ao vício, pois é fácil e culturalmente aceito. As principais causas são as pressões do dia dia, a violência familiar e a influência do parceiro", disse.

Tanto Márcia quanto a enfermeira Simone do Carmo Dias Lima relatam que sentiram muita inibição do público feminino quando o tratamento era feito em grupo com a presença de homens. "São motivações diferentes e elas não se sentiam bem para falar sobre si", descreveu Simone.

Para participar do tratamento não é preciso de nenhum encaminhamento, basta procurar o Caps-AD que está localizado na rua Lutécia, 80, no Jardim Dayse. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 4679-4624.