Programa SOU cadastra quase 200 voluntários em um mês

São Paulo lança atendimento móvel para população em situação de rua
São Paulo lança atendimento móvel para população em situação de rua - FOTO: Divulgação

 O programa de voluntariado do Fundo Social de Solidariedade de Mogi das Cruzes (SOU) já cadastrou, desde seu início em setembro deste ano, quase 200 voluntários para atuar como assistentes de ações e programas voltados para a população em situação de vulnerabilidade.

O SOU surgiu como uma ferramenta para unificar as ações realizadas no município e reforçar o papel do voluntariado na prestação de serviços para a comunidade. Em números exatos, o Fundo Social de Solidariedade contabilizou 180 pessoas que se cadastraram no primeiro mês de funcionamento.

Segundo o Fundo Social de Mogi, os voluntários podem ser utilizados tanto em ações permanentes quanto em eventos singulares. Um dos exemplos de ações permanentes é o banco de perucas do projeto Cabelegria, voltado para o atendimento às mulheres que estão em tratamento de quimio e radioterapia contra o câncer: "Lá, somente voluntários atuam", explicou a direção.

Um dos eventos especiais que contou com a participação dos voluntários do SOU foi no evento "Redescubra Mogi" de cinema, realizado no aniversário da cidade, em 1º de setembro, para o atendimento ao público, logística e organização das atividades.

Questionados pela programação no final do ano e a utilização das equipes do banco de voluntários, os gestores do Fundo Social informaram que eles serão convidados a participar das ações "tão logo elas sejam confirmadas na agenda".

O Fundo Social de Solidariedade de Mogi das Cruzes vem desenvolvendo atualmente ações para atendimento às famílias em situação de vulnerabilidade com a crise econômicas, medidas de combate à pobreza menstrual, além da retomada de cursos de qualificação profissional para reposicionamento no mercado de trabalho. Anualmente as ações são reforçadas junto às famílias vulneráveis, com a distribuição de cestas de Natal e brinquedos para crianças e pré-adolescentes.

 

Deixe uma resposta

Comentários