Mais de 6 mil são vacinados

Suzano - A Secretaria Municipal de Saúde registrou nesta semana, entre os dias 16 e 19 de novembro, mais 6.684 aplicações contra o coronavírus (Covid-19). Até ontem, o município contabilizava 242.318 pessoas imunizadas com pelo menos a primeira dose, das quais 7.553 tomaram o imunizante em dose única e 188.929 já completaram o esquema vacinal. Além disso, 17.227 suzanenses já foram contemplados com a aplicação de reforço.

Só nesta semana, mais 452 cidadãos receberam pela primeira vez a dose contra o coronavírus em Suzano. A pasta também registrou 5.140 suzanenses que completaram o esquema vacinal com a segunda dose. Quanto à terceira aplicação de reforço, nos últimos quatro dias, 1.092 suzanenses foram contemplados nas salas de vacinação do município.

De acordo com o chefe da pasta, Pedro Ishi, o índice satisfatório vem ao encontro dos objetivos da campanha de vacinação. "Pode-se dizer que alcançamos a quase totalidade do público-alvo apto a receber a vacina, que são os suzanenses maiores de 12 anos. O grupo é estimado em cerca de 241 mil pessoas, mas é importante lembrar que é uma estimativa flutuante. Por isso, precisamos continuar nos cuidando e incentivando a imunização contra a Covid-19 e outras doenças", reforçou.

Para receber a primeira dose basta apresentar RG, CPF, comprovante de endereço de Suzano e a filipeta oficial devidamente preenchida com letra legível. A ficha pode ser acessada e impressa no link bit.ly/FichaCovidSuzano. O pré-cadastro no site "Vacina Já" (www.vacinaja.sp.gov.br), do governo do Estado, também é necessário.

No caso dos jovens menores de idade, o atendimento exige ainda a apresentação de um Termo de Assentimento Livre e Esclarecido que pode ser acessado em www.suzano.sp.gov.br. O documento é dispensável aos adolescentes que estiverem acompanhados pelo responsável legal.

Já a segunda dose é aplicada de acordo com o aprazamento estabelecido no cartão de vacinação. Para receber a segunda aplicação basta apresentar CPF, documento original com foto e o cartão de vacinação. Vale reforçar que atualmente o intervalo entre a primeira e a segunda dose da vacina Coronavac é de quatro semanas; da AstraZeneca/Oxford é de oito semanas e da Pfizer é de três 3 semanas para maiores de 18 anos, e de oito semanas para os jovens entre 17 e 12 anos.

Para receber a aplicação, basta o cidadão comparecer ao posto de saúde mais próximo e apresentar o cartão de vacinação e um documento original com foto. No caso das pessoas imunossuprimidas, ainda é preciso apresentar relatório médico ou receita de uso contínuo, assim como os profissionais de saúde devem apresentar comprovante de vínculo empregatício em equipamentos de saúde.