Pronto-Socorro

Prefeitura e Santa Casa realizam reunião sobre convênio do PS

Na oportunidade, a equipe da Secretaria Saúde reiterou o pedido de comprovações detalhadas de uma série de itens

20/11/2021 às 05:30
Atualizada em 20/11/2021 às 05:30.
Divulgação/PMMC

Divulgação/PMMC

Mogi- Representantes da Prefeitura e da Santa Casa de Misericórdia se reuniram nesta tarde de quinta-feira (18/11) para definir os ajustes técnicos necessários para a repactuação do convênio do Pronto-Socorro, com vigência até 28 de dezembro de 2021. O grupo faz parte da Comissão Especial que avalia, em conjunto, todos os serviços prestados na urgência e emergência da unidade.

Na oportunidade, a equipe da Secretaria Municipal de Saúde reiterou o pedido de comprovações detalhadas de uma série de itens solicitados pela filantrópica, como medicamentos, remoções, exames e insumos, para dar continuidade ao estudo das despesas e serviços. A solicitação de abertura das informações de forma detalhada já havia sido oficializada pela gestão municipal anteriormente, não sendo atendida.

A Santa Casa se comprometeu a entregar essas planilhas na próxima quarta-feira (24/11) para análise técnica da Coordenadoria de Gestão Hospitalar (Cogerh) e, na segunda-feira (29/11), a Comissão Especial deve realizar uma nova reunião. "A Santa Casa presta um serviço de extrema importância para a nossa cidade, por isso contem sempre conosco", afirmou a prefeita em exercício, Priscila Yamagami Kähler.

Atualmente, o valor repassado pela Prefeitura de Mogi das Cruzes pelo convênio do Pronto-Socorro é de R$ 1.241.171,20 e a Santa Casa apresentou uma solicitação de R$ R$ 3.660.024,99. "A Santa Casa é muito importante para a Prefeitura e para os mogianos, mas temos que prestar contas, sempre muito bem apuradas pelo Tribunal de Contas e Ministério Público. Por isso, qualquer alteração de valores depende de comprovações, estudos e documentos", explicou o secretário Zeno Morrone Junior.

Os secretários municipais de Governo, Francisco Cochi Camargo; Finanças, Ricardo Abílio; e Jurídico, Renata Hauenstein, além do procurador-geral Fábio Nakano, também participaram da reunião, ao lado de toda equipe técnica da Secretaria Municipal de Saúde. Pela Santa Casa, esteve presente o gerente administrativo, José Carlos Nunes Junior; o presidente do Conselho Fiscal, Flávio Ferreira de Mattos, e demais membros da mesa diretiva.

Quem Somos

Fundado por Paschoal Thomeu – circulou em 22 de novembro de 1975. Em 1992, o administrador de empresas e publicitário Sidney Antonio de Moraes adquiriu a marca e relançou o jornal em 27 de outubro. O projeto foi ganhando força e, em 23 de abril de 1997, o jornal, até então preto-e-branco e veiculado apenas uma vez por semana, passou a circular colorido e bissemanalmente. Em 18 de maio do mesmo ano, a circulação foi ampliada para trissemanal e, finalmente, em 21 de junho de 1997 concretizou-se o lançamento do Mogi News diário. São inúmeras ações que, aliadas à qualidade editorial e gráfica, consagram o Mogi News como o jornal mais lido e respeitado do Alto Tietê

Entre em contato:

Reclamações ou sugestões:

redacao@portalnews.com.br

Comercial e parcerias:

contato@portalnews.com.br

© 2021 Todos Os Direitos Reservados Ao Portal News de Comunicação

Desenvolvido por

Distribuído por