Prefeitos

Dr. Camargo aponta que Arujá deve virar um canteiro de obras

Também debutante no cenário político regional, Luís Camargo listou desafios para 2022 e fez um balanço de 2021

André Diniz
06/01/2022 às 05:30
Atualizada em 06/01/2022 às 05:30.

Região - O Grupo MogiNews/DAT entrou em contato com os prefeitos de algumas das cidades do Alto Tietê para ouvir dos chefes dos poderes Executivos sobre um balanço das ações e desafios que enfrentaram neste ano que passou, desde o enfrentamento à pandemia do coronavírus (Covid-19) aos desafios da gestão pública.

A reportagem ouviu os prefeitos de Suzano (Rodrigo Ashiuchi - PL), Mogi das Cruzes (Caio Cunha - Pode), Poá (Márcia Bin - PSDB), Itaquaquecetuba (Eduardo Boigues - PP) e Arujá (Dr. Camargo - PSD), sobre seus desafios durante a pandemia, o que ficou para 2022 e os desafios da gestão pública, como o controle de gastos, a relação com o Poder Executivo e a busca por investimentos e geração de emprego.

Nesta segunda reportagem, o entrevistado da vez é o prefeito de Arujá. Luís Camargo (PSD), o dr. Camargo, falou sobre o primeiro ano no comando da cidade, e dos desafios centrados no combate à pandemia da Covid-19 como o primeiro alvo de sua gestão, com o aumento de leitos de 13 para 46 leitos na cidade. "Não tivemos falta de kit intubação, falta de leitos - enfim, conseguimos superar aquele primeiro momento e fomos além, indo para a rua, realizando obras a partir do meio do ano. Enfim, um grande ano", avaliou o prefeito.

Na área da geração de emprego, o prefeito citou como avanços na cidade a redução da burocracia por meio da Sala do Empreendedor, o Licenciamento Ambiental Municipalizado, o encaminhamento do Código Ambiental e a capacitação da mão de obra pelo programa Arujá Emprega. "Neste ano, mesmo com a pandemia, certificamos 1.193 trabalhadores com cursos técnicos", apresentou o chefe do Executivo arujaense.

Para o ano que está chegando, o prefeito de Arujá ressaltou a criação da Secretaria de Turismo para o fomento do setor e a recuperação do patrimônio público, bem como obras como o Pronto Atendimento da Criança, o Terminal Rodoviário do Parque Rodrigo Barreto, a segunda fase do programa de asfaltamento, além de investimentos em Educação e Assistência Social, entre outras áreas. Como parte dos planos da cidade para o ano que vem, está a construção do Hospital Municipal, que aguardava a liberação da Vigilância Sanitária. "Este é um projeto complexo, uma construção de mais de 10 mil m², e demandava certa cautela. Posso afirmar que no ano que vamos entrar o hospital terá sua obra bem encaminhada, e definimos que vamos implantar também um Pronto Atendimento Infantil, ao lado do futuro prédio do INSS", explicou.

Sobre as contas do município, o prefeito de Arujá afirmou que no próximo ano a cidade entrará com superávit primário de R$ 20 milhões, em parte devido à redução da folha de pagamento em 7%, o que é considerado pela administração municipal como um grande número. "Vamos ter verba para investir no ano que vem, e Arujá será um grande canteiro de obras, tendo o hospital como prioridade", encerrou.

Quem Somos

Fundado por Paschoal Thomeu – circulou em 22 de novembro de 1975. Em 1992, o administrador de empresas e publicitário Sidney Antonio de Moraes adquiriu a marca e relançou o jornal em 27 de outubro. O projeto foi ganhando força e, em 23 de abril de 1997, o jornal, até então preto-e-branco e veiculado apenas uma vez por semana, passou a circular colorido e bissemanalmente. Em 18 de maio do mesmo ano, a circulação foi ampliada para trissemanal e, finalmente, em 21 de junho de 1997 concretizou-se o lançamento do Mogi News diário. São inúmeras ações que, aliadas à qualidade editorial e gráfica, consagram o Mogi News como o jornal mais lido e respeitado do Alto Tietê

Entre em contato:

Reclamações ou sugestões:

redacao@portalnews.com.br

Comercial e parcerias:

contato@portalnews.com.br

© 2021 Todos Os Direitos Reservados Ao Portal News de Comunicação

Desenvolvido por

Distribuído por