Defesa da Mulher

Espaço Acolher da CPTM recebeu seis denúncias de assédio em 2 anos

André Diniz
18/02/2022 às 05:30
Atualizada em 18/02/2022 às 05:30.
Mogi News/Arquivo

Espaço Acolher na Estação Mogi das Cruzes é uma das quatro no Alto Tietê - FOTO: Mogi News/Arquivo

 

Um levantamento feito com a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) no início desta semana mostrou que 109 casos de agressão foram registrados em todas as linhas ferroviárias pelo projeto Espaço Acolher, voltado para a defesa da mulher. Destes, seis crimes ocorreram na região do Alto Tietê em um período de quase dois anos de atuação.

Segundo a CPTM, foram registrados 109 casos de violência e importunação sexual em todas as linhas desde março de 2020 - data em que o serviço entrou em funcionamento - até o final de janeiro deste ano, com 106 pessoas encaminhadas para o Distrito Policial. “Em apenas três casos não foram elaborados boletins de ocorrência, pois a vítima não quis registrar, o autor fugiu ou não foi identificado”, explicou em nota.

Na Linha 11 - Coral da CPTM, foram apontados seis casos na região do Alto Tietê, sendo quatro na cidade de Suzano e dois na cidade de Mogi das Cruzes. Todas as ocorrências foram interceptadas pelos agentes de segurança da companhia e os autores foram conduzidos para a autoridade policial.

O Espaço Acolher é uma iniciativa que oferece atendimento humanizado e privacidade para mulheres que foram vítimas de violência ou importunação sexual nos trens e estações da companhia, com suporte dado longe do agressor e feito por profissionais qualificados para lidar com a situação.

Em toda a rede ferroviária foram disponibilizados 29 postos, sendo que no Alto Tietê são quatro pontos: três na Linha 11 - Coral (Ferraz de Vasconcelos, Suzano e Mogi das Cruzes), e um na Linha 12 - Safira (Itaquaquecetuba).

A direção da companhia defende que a ampliação da rede de apoio eleva a capacidade de atendimento às vítimas de crimes como assédio sexual, agressão ou importunação sexual. “Estes crimes precisam ser eliminados não apenas da CPTM, mas de toda a sociedade”, afirmou.

Quem Somos

Fundado por Paschoal Thomeu – circulou em 22 de novembro de 1975. Em 1992, o administrador de empresas e publicitário Sidney Antonio de Moraes adquiriu a marca e relançou o jornal em 27 de outubro. O projeto foi ganhando força e, em 23 de abril de 1997, o jornal, até então preto-e-branco e veiculado apenas uma vez por semana, passou a circular colorido e bissemanalmente. Em 18 de maio do mesmo ano, a circulação foi ampliada para trissemanal e, finalmente, em 21 de junho de 1997 concretizou-se o lançamento do Mogi News diário. São inúmeras ações que, aliadas à qualidade editorial e gráfica, consagram o Mogi News como o jornal mais lido e respeitado do Alto Tietê

Entre em contato:

(11) 4735-8000
editor@moginews.com.br
editor@jornaldat.com.br
aline.portalnews@moginews.com.br

Av: Japão, 46 - sala 06 - Vila Ipiranga - Centro - Mogi das Cruzes

© 2022 Todos Os Direitos Reservados Ao Portal News