Recuperação de nascentes

Estado coloca região como prioritária em programa

Programa voltado à recuperação de matas estabeleceu 143 projetos em andamento no Alto Tietê para a recuperação de 380 hectares

André Diniz
06/03/2022 às 05:30
Atualizada em 06/03/2022 às 05:30.

Alto Tietê - O governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Meio Ambiente, apontou na quinta-feira passada que o Alto Tietê conta com mais de 140 projetos em andamento no Programa Nascentes, iniciativa para recuperação de áreas naturais.

O programa atende 479 cidades paulistas e define mapas de áreas para restauração, com o intuito de preservação de nascentes hídricas e outras áreas de preservação ambiental. Nas oito cidades do Alto Tietê (com exceção de Arujá e Ferraz de Vasconcelos), o governo estadual informou que 143 projetos estão em andamento, com um total de 380 hectares em processo de restauração.

A Pasta estadual informou que conta com um mapa de áreas prioritárias para restauração, e que os municípios da região são classificadas com prioridade "Muito Alta". "Com este nível de prioridade, a região pode receber projetos de restauração oriundos do cumprimento de obrigações firmadas em outros lugares do estado", informou em nota.

Na região, o Programa Nascentes conta com cinco projetos de prateleira aprovados, que estão com 80% de sua área compromissada e necessitando de restauração. Segundo o Estado, é necessário entrar em contato diretamente com as empresas que apresentaram as propostas. Mais informações e orientações estão disponíveis na página do programa na Internet, na Secretaria de Estado de Infraestrutura e Meio Ambiente.

Outro meio que o governo do Estado disponibilizou em encontrar áreas que não foram vinculadas a projetos de restauração é o Banco de Áreas Rurais, que é composto por áreas públicas ou particulares que não contam com vegetação nativa, e o proprietário tem o desejo de restaurar. A iniciativa é voltada para entes públicos e privados que possuem a obrigação de restaurar áreas devido a impacto ambiental, e a parceria proporciona a recuperação ambiental sem custo aos proprietários e proprietárias.

Pessoas e empresas que possuem áreas e desejam a restauração para a mata nativa podem se inscrever junto ao governo do Estado, por meio de um formulário disponibilizado no portal do Programa Nascentes - mais informações podem ser obtidas pelo e-mail bancodeareas@sp.gov.br.

Quem Somos

Fundado por Paschoal Thomeu – circulou em 22 de novembro de 1975. Em 1992, o administrador de empresas e publicitário Sidney Antonio de Moraes adquiriu a marca e relançou o jornal em 27 de outubro. O projeto foi ganhando força e, em 23 de abril de 1997, o jornal, até então preto-e-branco e veiculado apenas uma vez por semana, passou a circular colorido e bissemanalmente. Em 18 de maio do mesmo ano, a circulação foi ampliada para trissemanal e, finalmente, em 21 de junho de 1997 concretizou-se o lançamento do Mogi News diário. São inúmeras ações que, aliadas à qualidade editorial e gráfica, consagram o Mogi News como o jornal mais lido e respeitado do Alto Tietê

Entre em contato:

(11) 4735-8000
editor@moginews.com.br
editor@jornaldat.com.br
aline.portalnews@moginews.com.br

Av: Japão, 46 - sala 06 - Vila Ipiranga - Centro - Mogi das Cruzes

© 2022 Todos Os Direitos Reservados Ao Portal News