Planejamento familiar

Município promove terceiro mutirão de inserção de DIU

Na cidade, o mutirão será permanente, toda quinta-feira; outras seis prefeituras também oferecem o serviço

Ingrid Leone
11/03/2022 às 05:30
Atualizada em 11/03/2022 às 05:30.
Dayane Oliveira/Prefeitura de Itaquaquecetuba

Pacientes precisam apresentar papanicolau e transvaginal - FOTO: Dayane Oliveira/Prefeitura de Itaquaquecetuba

Itaquá- A Prefeitura realizou pela terceira vez um mutirão para inserção de dispositivo intrauterino (DIU) de cobre ontem. Os atendimentos acontecem até às 16 horas, no Centro de Especialidades de Itaquá, localizado na rua MMDC, 58, região central. O mutirão vai ser realizado toda quinta-feira.

A secretária de Saúde de Itaquá, Ariana Julião, informou que o mutirão foi mantido semanalmente, devido à "adesão positiva'' das mulheres da cidade. Para o atendimento, uma triagem é realizada, e as pacientes precisam apresentar o exame de papanicolau feito entre março de 2021 e fevereiro de 2022, e o ultrassom transvaginal, feito em um período de até três meses. O agendamento da colocação do DIU deve ser realizado entre o 1º e 2º dia da menstruação.

O DIU é um método contraceptivo não-hormonal disponibilizado pelo Sistema Único de Saúde (SUS). É indicado para qualquer mulher com útero e a partir do momento que inicia a vida sexual. Na região do Alto Tietê, além de Itaquá, seis prefeituras, ouvidas pela reportagem, disponibilizam a colocação do contraceptivo gratuitamente.

De acordo com a Secretaria de Saúde de Itaquá, a inserção do dispositivo intrauterino é o "mais seguro e vantajoso para as mulheres", uma vez que, "com o DIU a fertilidade retorna logo após a retirada; também não há o problema de esquecimento, como a pílula, e não está associada a um aumento de casos de câncer, diferente dos outros anticoncepcionais".

Os requisitos para a colocação do dispositivo são a realização dos exames e acompanhamento prévio, como o exame de papanicolau e o ultrassom transvaginal, para saber se não tem nada no momento que impeça o procedimento, como no caso de uma gravidez. O Ministério da Saúde recomenda em nota técnica, que o acompanhamento e o procedimento, sejam feitos apenas por médicos capacitados para o procedimento.

Região

A implantação do DIU faz parte das ações do Programa de Planejamento Familiar de Mogi das Cruzes. As mulheres devem procurar a unidade de saúde próxima de sua residência com os documentos pessoais, comprovante de endereço e Cartão SIS (Sistema Integrado de Saúde) para solicitar a inclusão no programa. O Pró-Mulher e a Unidade Básica de Saúde do Alto Ipiranga são referências para colocação de DIU, conforme encaminhamento das unidades.

A Secretaria de Saúde de Suzano oferece o serviço gratuitamente nos 24 postos da cidade, por meio do planejamento familiar. Duas reuniões são realizadas com o casal presencialmente e são oferecidos todos os métodos contraceptivos: anticoncepcional oral/injetável, DIU, vasectomia e laqueadura. Os dois escolhem a melhor alternativa. Segundo a Pasta, no caso do DIU, é preciso procurar o serviço de planejamento familiar em uma unidade de saúde e participar de um encontro, não sendo necessária a presença do parceiro ou parceira. O procedimento é agendado no próprio local, e é preciso apresentar RG, CPF, cartão SUS e comprovante de endereço de Suzano.

Em Ferraz de Vasconcelos, o serviço é oferecido nas Unidades Básicas de Saúde da CDHU (no Parque São Francisco), do Jardim Castelo e do Centro de Saúde II Mário Margarido. Para solicitar o atendimento, a mulher precisa passar pela Unidade Básica de Saúde (UBS) e conseguir o encaminhamento para a realização de exame de papanicolau e ultrassom transvaginal. Depois, deve passar por uma reunião de Planejamento Familiar, preencher a documentação requisitada e agendar uma consulta com os exames em mãos.

Para a inserção de DIU, as mulheres residentes em Guararema devem procurar a Unidade Básica de Saúde mais próxima, e agendar a consulta com médico ginecologista, que dará andamento no processo, incluindo a solicitação dos exames prévios necessários.

Em Biritiba Mirim, o serviço é ofertado por meio da Unidade de Saúde do bairro Hiroy, localizada na Estrada Mogi, Salesópolis, no km 18. As interessadas devem fazer os exames e procurar a unidade para o agendamento.

Já em Santa Isabel, o atendimento é feito no posto mais próximo da paciente com o planejamento familiar.

Quem Somos

Fundado por Paschoal Thomeu – circulou em 22 de novembro de 1975. Em 1992, o administrador de empresas e publicitário Sidney Antonio de Moraes adquiriu a marca e relançou o jornal em 27 de outubro. O projeto foi ganhando força e, em 23 de abril de 1997, o jornal, até então preto-e-branco e veiculado apenas uma vez por semana, passou a circular colorido e bissemanalmente. Em 18 de maio do mesmo ano, a circulação foi ampliada para trissemanal e, finalmente, em 21 de junho de 1997 concretizou-se o lançamento do Mogi News diário. São inúmeras ações que, aliadas à qualidade editorial e gráfica, consagram o Mogi News como o jornal mais lido e respeitado do Alto Tietê

Entre em contato:

(11) 4735-8000
editor@moginews.com.br
editor@jornaldat.com.br
aline.portalnews@moginews.com.br

Av: Japão, 46 - sala 06 - Vila Ipiranga - Centro - Mogi das Cruzes

© 2022 Todos Os Direitos Reservados Ao Portal News