Covid-19

Cidades se aproximam da meta de vacinação infantil

Suzano e Itaquaquecetuba apresentam cobertura vacinal de mais de 80% na primeira dose

Raissa Sandara
07/04/2022 às 13:24
Atualizada em 07/04/2022 às 13:42.
Divulgação/Secop Suzano

Suzano e Itaquá conseguiram vacinar até o momento mais de 80% das crianças - FOTO: Divulgação/Secop Suzano

A vacinação infantil contra o coronavírus (Covid-19), destinada às crianças de 5 a 11 anos, 11 meses e 29 dias, tem crescido em cidades da região. O cronograma de vacinação que até o momento conta com duas doses com intervalo de aplicação variável, segundo a vacina utilizada, se ampliou nos municípios consultados pela reportagem. Suzano, que em fevereiro contava com 43% da meta estipulada para a 1ª dose, hoje tem cobertura de 88,6% do público infantil, se aproximando da meta da Organização Mundial da Saúde (OMS) e do Ministério da Saúde de 90% de cobertura. A reportagem também consultou Itaquaquecetuba, Mogi das Cruzes, Ferraz de Vasconcelos, Arujá e Poá. 

Suzano é destaque na região na aplicação das vacinas, com 22.362 crianças que já receberam a primeira dose, o que representa 88,6%; e 11.169 receberam a segunda dose, o equivalente a 44,2%. A estimativa é que 25.230 crianças sejam vacinadas contra a Covid-19 no município. “Entre as 11.193 crianças que vão receber a segunda dose de aplicação, mais da metade ainda não cumpriu o intervalo mínimo necessário”, explicou prefeitura em nota. 

No município não é necessário agendamento para vacinar as crianças e todos os 24 postos de saúde estão aplicando as vacinas. No dia de vacinação é necessário apresentar documento original com foto e cartão SUS, ambos da criança, além de comprovante de residência dos pais ou responsáveis. A prefeitura afirmou que tem feito busca ativa da população-alvo por meio das Unidades de Saúde da Família (USFs) e planeja uma mobilização especial (Dia D) para algum sábado deste mês, em data a ser divulgada. 

Em segundo lugar no ranking regional, Itaquá já aplicou 32.263 primeiras doses, o que representa uma cobertura vacinal de 83,6% da população-alvo; e 16.642, segundas doses, ou seja, 43,1%. Em comparação, em fevereiro a cidade tinha aplicado apenas 8.879 doses, indicando um aumento de 263%. O objetivo, segundo a prefeitura, é vacinar 38.567 crianças com cada uma das doses.

A cidade informou que não é necessário agendar a vacinação e todas as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) aplicam as vacinas contra a Covid-19, porém é necessário levar documento de identificação com foto, CPF ou cartão SUS e carteira de vacinação. De acordo com a prefeitura, a cidade registrou dez casos de internação em menores de 12 anos durante a pandemia, mas no momento não existem crianças internadas.

Mogi aparece em terceiro lugar, com 28.078 primeiras doses aplicadas, ou seja, 69,7% do público-alvo total, e 12.221 segundas doses (30,3%), totalizando 40.299 doses aplicadas. Quando comparado com os números de fevereiro, quando foram aplicadas 7.337 doses, o aumento é de 282%.

O agendamento no município é feito no www.cliquevacina.com.br. No dia de vacinação, é preciso levar carteira de vacinação documento pessoal da criança e da mãe ou do pai. Caso a criança seja levada por outro responsável, uma autorização deve ser assinada pelos pais. Para incentivar a vacinação, a administração municipal faz campanhas e ações educativas nos canais oficiais, nas redes sociais e postos de saúde.

Abaixo de 70%

Em Ferraz, 13.092 crianças receberam a primeira dose, o que representa 68,9% do público-alvo; e 6.486 com a segunda dose (34,1%). A administração municipal espera vacinar 19 mil crianças. Na cidade não é preciso agendamento, sendo necessário levar CPF, cartão SUS, comprovante de endereço e caderneta de vacinação. A imunização ocorre nas UBSs Vila Margarida, Santo Antônio, Vila São Paulo e no Centro de Saúde II Mário Margarido.

Arujá já aplicou 6.217 primeiras doses, o que representa 67,6%; e 3.701 segundas doses, ou seja, 40% do público-alvo. A cidade estima vacinar 9.187 crianças. Segundo a prefeitura, é possível agendar a vacinação no site da Prefeitura. As vacinas são aplicadas no Centro de Especialidades Médicas de Arujá. A Secretaria Municipal de Saúde faz busca ativa de crianças

De um total de 11.877 crianças, Poá vacinou 7.745 com a primeira dose, o que representa 65,2% da população-alvo; e 4.282 com a segunda dose, o equivalente a 36% de cobertura. Nos últimos dois meses, segundo a prefeitura, o aumento de aplicações foi de 451%. Não é necessário o agendamento e todas as UBSs oferecem a vacina. É necessário apresentar os documentos de identificação com foto da criança e dos pais, a caderneta de vacinação e o comprovante de residência.

Três crianças foram internadas no município em decorrência do coronavírus, de acordo com a Secretaria de Saúde, sendo que dois casos ocorreram entre os meses de maio e junho de 2021, e outro caso ocorreu em fevereiro deste ano. Entre as estratégias de vacinação para o público infantil, a prefeitura afirmou que tem feito divulgações no site oficial do município, nas redes sociais e em locais públicos como escolas e unidades de saúde.

Quem Somos

Fundado por Paschoal Thomeu – circulou em 22 de novembro de 1975. Em 1992, o administrador de empresas e publicitário Sidney Antonio de Moraes adquiriu a marca e relançou o jornal em 27 de outubro. O projeto foi ganhando força e, em 23 de abril de 1997, o jornal, até então preto-e-branco e veiculado apenas uma vez por semana, passou a circular colorido e bissemanalmente. Em 18 de maio do mesmo ano, a circulação foi ampliada para trissemanal e, finalmente, em 21 de junho de 1997 concretizou-se o lançamento do Mogi News diário. São inúmeras ações que, aliadas à qualidade editorial e gráfica, consagram o Mogi News como o jornal mais lido e respeitado do Alto Tietê

Entre em contato:

(11) 4735-8000
editor@moginews.com.br
editor@jornaldat.com.br
aline.portalnews@moginews.com.br

Av: Japão, 46 - sala 06 - Vila Ipiranga - Centro - Mogi das Cruzes

© 2022 Todos Os Direitos Reservados Ao Portal News