Mogi das Cruzes

Indicar numeração de poste agiliza manutenção de lâmpadas queimadas

25/05/2022 às 05:30
Atualizada em 25/05/2022 às 07:56.
Divulgação/PMMC

Secretária-adjunta alerta sobre importância de informar o número dos postes - FOTO: Divulgação/PMMC

Os mogianos que identificarem lâmpadas queimadas na rede de iluminação do município podem fazer a solicitação de manutenção pelo aplicativo Mogi Iluminada – que pode ser baixado gratuitamente pelo celular (clique aqui) – ou pela Ouvidoria Municipal (telefone 156, opção 5). Um detalhe importante que agiliza o atendimento é a identificação do poste, uma sequência de cinco números que está visível em todos os postes de Mogi das Cruzes, em uma placa. Quando o cidadão informa o número do poste no pedido de manutenção, a equipe responsável pelo trabalho consegue executar o serviço com mais rapidez.

A secretária-adjunta de Infraestrutura Urbana, Leila Alcântara, salienta que é muito importante que as pessoas façam o registro das demandas com o número dos postes: “A cidade é grande e a participação das pessoas agiliza o andamento dos serviços. Sempre que o cidadão observar uma lâmpada queimada, é importante fazer o pedido de reparo, seja pelo aplicativo ou pela Ouvidoria. O número do poste é um diferencial que permite maior precisão para a equipe de rua”, comenta.

Em 2021, a Prefeitura de Mogi das Cruzes realizou uma licitação pública para a contratação da nova empresa responsável pela manutenção do sistema de iluminação pública da cidade. O processo foi concluído e o contrato com a empresa vencedora está em vigor desde o dia 16 de novembro daquele ano. A ganhadora do certame foi a RM Empreendimentos Eireli, que faz a manutenção da rede de iluminação existente no município.

Leila explica que, pela legislação, o município é responsável pela manutenção de luminárias e dos braços de sustentação – por isso contratou a empresa. Já o fornecimento de energia é feito pela concessionária do setor, no caso a EDP. “Quando algum componente é danificado, como um transformador, por exemplo, a EDP é acionada para providenciar a manutenção”, explica.

O contrato entre a Prefeitura e a RM prevê, além das trocas de lâmpadas, ações como expansão da rede de iluminação, reposição de cabos e outros componentes em casos de furtos – ocorrências que, infelizmente, são muito comuns. As equipes da RM estão trabalhando nas ruas da cidade, desde a data da assinatura do contrato, atendendo as solicitações feitas pela população.

De acordo com o gestor da RM, Wesley Feniman, quando o cidadão informa o número de identificação do poste, a equipe de manutenção consegue localizar a lâmpada com defeito assim que chega ao bairro e à rua indicada: “Se a pessoa apontar somente o número da casa, os funcionários chegam ao local e se deparam com 3 ou 4 postes próximos que podem estar com problema. É preciso testar um de cada vez para localizar a lâmpada correta. Este detalhe da identificação do poste significa uma importante agilização do serviço”, completa.

 

Quem Somos

Fundado por Paschoal Thomeu – circulou em 22 de novembro de 1975. Em 1992, o administrador de empresas e publicitário Sidney Antonio de Moraes adquiriu a marca e relançou o jornal em 27 de outubro. O projeto foi ganhando força e, em 23 de abril de 1997, o jornal, até então preto-e-branco e veiculado apenas uma vez por semana, passou a circular colorido e bissemanalmente. Em 18 de maio do mesmo ano, a circulação foi ampliada para trissemanal e, finalmente, em 21 de junho de 1997 concretizou-se o lançamento do Mogi News diário. São inúmeras ações que, aliadas à qualidade editorial e gráfica, consagram o Mogi News como o jornal mais lido e respeitado do Alto Tietê

Entre em contato:

(11) 4735-8000
[email protected]
[email protected]
[email protected]

Av: Japão, 46 - sala 06 - Vila Ipiranga - Centro - Mogi das Cruzes

© 2022 Todos Os Direitos Reservados Ao Portal News