Chácara Santo Ângelo

Legislativo acompanha o início da regularização fundiária

Entre as autoridades presentes no evento, o secretário executivo de Habitação do Estado, Fernando Marangoni

05/07/2022 às 06:00
Atualizada em 05/07/2022 às 06:00.
Diego Barbieri/CMMC

Cerimônia foi na sede da Associação Alfa Jundiapeba - FOTO: Diego Barbieri/CMMC

Mogi - O presidente da Câmara Municipal de Mogi das Cruzes, Marcos Furlan (PODE) representou o Legislativo na última sexta-feira no evento que marcou o início do processo de regularização fundiária da região conhecida como Chácara Santo Ângelo. A cerimônia aconteceu na sede da Associação Alfa Jundiapeba e contou com a presença do secretário executivo de Habitação do Estado, Fernando Marangoni; do coordenador municipal de Habitação, Rogério Dirks, e do presidente da associação que presta assistência aos moradores da área, Marcelo Morais Dantas.

"Aqui será um bairro planejado que terá também áreas verdes, áreas de preservação ambiental, preservação de rios e córregos. Este projeto servirá como exemplo para o Brasil inteiro dada a sua extensão territorial e o número de pessoas beneficiadas e a forma como será executado. Vocês terão água e saneamento básico, iluminação pública, posto de saúde, creche, entre outras benfeitorias. Tudo foi pensado para que a partir da regularização outras melhorias sejam feitas a médio e longo prazo", assegurou Dirks.

Furlan ressaltou que se trata de uma luta antiga da população local junto à vários vereadores: "A regularização fundiária tem vários processos, mas o secretário Marangoni se comprometeu a tocar com agilidade e estamos vendo a evolução à passos largos. Há menos de um mês estivemos aqui com o prefeito anunciando o envio da documentação para o cartório e agora damos início ao processo que fará a demarcação das áreas".

Segundo o secretário Fernando Marangoni ainda este mês terão início as medições dos terrenos e até o final deste ano serão entregues os títulos de propriedade aqui do Santo Ângelo. "O primeiro benefício da regularização é a segurança jurídica, para que tudo aquilo que construíram ao longo da vida é propriedade sua e quando não estivermos mais aqui estará garantido para seus filhos. Em segundo lugar, com a documentação o valor do imóvel aumenta, no mínimo 30%. E como benefícios indiretos o governo pode trazer os equipamentos públicos e implantar a infraestrutura necessária", informou Marangoni.

Depois Furlan acompanhou a entrega pelas mãos do prefeito Caio Cunha (PODE), do secretário Marangoni, e do coordenador municipal de Habitação, de 17 títulos de propriedade a moradores da Vila Natal.

 

Quem Somos

Fundado por Paschoal Thomeu – circulou em 22 de novembro de 1975. Em 1992, o administrador de empresas e publicitário Sidney Antonio de Moraes adquiriu a marca e relançou o jornal em 27 de outubro. O projeto foi ganhando força e, em 23 de abril de 1997, o jornal, até então preto-e-branco e veiculado apenas uma vez por semana, passou a circular colorido e bissemanalmente. Em 18 de maio do mesmo ano, a circulação foi ampliada para trissemanal e, finalmente, em 21 de junho de 1997 concretizou-se o lançamento do Mogi News diário. São inúmeras ações que, aliadas à qualidade editorial e gráfica, consagram o Mogi News como o jornal mais lido e respeitado do Alto Tietê

Entre em contato:

(11) 4735-8000
[email protected]
[email protected]
[email protected]

Av: Japão, 46 - sala 06 - Vila Ipiranga - Centro - Mogi das Cruzes

© 2022 Todos Os Direitos Reservados Ao Portal News