Polo aquático: Brasil cai para Geórgia e está fora da Olimpíada

Polo aquático: Brasil cai para Geórgia e está fora da Olimpíada
Polo aquático: Brasil cai para Geórgia e está fora da Olimpíada - FOTO: Marcel ter Bals

A seleção masculina de polo aquático não tem mais chances de classificação à Olimpíada de Tóquio (Japão). Nesta quarta-feira (17), os brasileiros encerraram a participação no Pré-Olímpico de Roterdã (Países Baixos) com uma derrota por 12 a 8 para a Geórgia. O time dirigido pelo técnico André Avallone foi superado nos quatro jogos que fez pelo Grupo A, que também reuniu Canadá, Grécia e Montenegro - os dois últimos potências do esporte.

Os brasileiros foram à piscina precisando vencer por um bom saldo de gols e ainda torcendo contra Geórgia e Canadá na rodada de quinta-feira (18) para ter chance de classificação às quartas de final pelo saldo de gols. Contra os georgianos, a seleção nacional teve dificuldades nas ocasiões em que ficou com um jogador a menos na água e viu os rivais irem para o intervalo com quatro gols de vantagem.

No segundo tempo, o Brasil balançou as redes tanto quanto os adversários e até foi superior no último período, marcando cinco vezes contra quatro dos europeus, mas a reação foi tardia. Bernardo Gomes, com três gols, foi o destaque da equipe nacional. Também assinalaram tentos Rafael Real (dois), Rudá Franco, Roberto Freitas e Gustavo Grummy.

Ainda nesta quarta-feira, pelo Grupo A, Montenegro derrotou a Grécia por 8 a 4. Os montenegrinos lideram a chave com três vitórias (seis pontos), seguidos por georgianos, gregos (ambos quatro pontos) e canadenses (dois pontos). Os brasileiros só ficam à frente da Turquia, que seria a adversária de quinta-feira, mas que foi desclassificada antes mesmo do pré-olímpico começar após a delegação ter diagnosticados quatro casos do novo coronavírus (covid-19).

Na próxima fase, os classificados do Grupo A encaram, no mata-mata, os times que avançarem no Grupo B. Os finalistas e o terceiro colocado do pré-olímpico vão para Tóquio. O Brasil, por sua vez, volta as atenções para o Campeonato Sul-Americano de Esportes Aquáticos, em Buenos Aires (Argentina). As disputas do polo aquático estão marcadas para ocorrer entre 14 e 29 de março.