Mogi encara o Cerrado e quer manter 6ª colocação

Jogadores do Mogi realizaram atividades leves ontem
Jogadores do Mogi realizaram atividades leves ontem - FOTO: Suelenn Ladessa/Mogi Basquete

O Mogi das Cruzes Basquete enfrenta hoje o Cerrado, às 20 horas, no Ginásio Hugo Ramos, pelo Novo Basquete Brasil (NBB). A data marca o início de uma nova sede na cidade, que terá outros 12 jogos até o dia 6 de março, com oito times na disputa. O duelo terá transmissão ao vivo pela plataforma de streaming Dazn. Desde a quarta-feira da semana passada, o grupo vem treinando forte em dois períodos para o retorno dos jogos oficiais. O último treino técnico/tático foi realizado na manhã de ontem.

"O Cerrado é uma equipe em desenvolvimento, por isso, nosso treinamento ajuda muito na performance do jogo. Estamos em uma competição muito equilibrada. Apesar de estarmos em sexto, tem mais quatro times atrás de nós, esperando uma derrota para mudar a classificação, e a nossa equipe, com possibilidade de entrar no G4. Todos estão brigando por vagas e melhorias. Cada vitória e evolução individual e coletiva vale muito para chegar no playoff, que é decisivo", disse o técnico Jorge Guerra, o Guerrinha.

O Mogi Basquete vem de vitória sobre o Franca no dia 13 deste mês, por 87 a 75, e se mantém na sexta colocação na tabela, com 11 vitórias em 20 jogos. O Cerrado bateu o Brasília por 86 a 73, no dia 11, e está na 12ª posição, com sete triunfos em 21 jogos.

A equipe não contará com o ala Luiz Colina, por conta de um corte no dedo do pé direito. Por outro lado, a novidade da partida será a primeira participação do jovem ala uruguaio Rafael Previatti no campeonato, que estará à disposição do treinador após ter a documentação liberada pela Federação Internacional de Basquete (Fiba).

Deixe uma resposta

Comentários