Rio de Janeiro sediará Jogo das Estrelas após restrições em São Paulo

Rio de Janeiro sediará Jogo das Estrelas após restrições em São Paulo
Rio de Janeiro sediará Jogo das Estrelas após restrições em São Paulo FOTO:

A Liga Nacional de Basquete (LNB) alterou o cronograma de 13 partidas do Novo Basquete Brasil (NBB) que estavam agendadas para a cidade de São Paulo entre as próximas segunda-feira (15) e quinta-feira (18). A entidade também transferiu a sede da edição 2021 do Jogo das Estrelas, que seria no ginásio Henrique Villaboim, na capital paulista, para o ginásio do Maracanãzinho, na cidade do Rio de Janeiro. O evento está marcado para sexta-feira (19) e sábado (20) da próxima semana.

As decisões foram divulgadas nesta sexta-feira (12) após reunião do Conselho de Administração da LNB. Ontem (11), o Governo de São Paulo anunciou a suspensão completa de atividades esportivas coletivas no território paulista por 15 dias, a partir de segunda, para conter a disseminação do novo coronavírus (covid-19), em meio à alta de casos e de internações. Segundo dados do Centro de Contingência do Coronavírus, a taxa de ocupação das unidades de terapia intensiva (UTIs) no estado está em 87,6%, com uma média de 150 novas admissões por dia.

Conforme a liga, que se manifestou por nota, o jogo entre Brasília e Sesi Franca, que seria disputado na segunda, foi antecipado para domingo (14), no ginásio do Morumbi, em São Paulo. Outras cinco partidas, que envolvem times que terão compromissos daqui a duas semanas pela Champions League das Américas (equivalente à Libertadores no basquete), tiveram as datas mantidas, mas foram transferidas do Morumbi para o Rio (confira abaixo). Os horários e locais ainda serão confirmados. Os demais sete duelos foram adiados e serão realocados entre o fim de março e o início de abril.

"As mudanças não alteram o final da fase regular da temporada 2020/2021, que se encerra no dia 6 de abril", afirma a nota da LNB.

O Jogo das Estrelas, por sua vez, está de volta ao Maracanãzinho após 12 anos. O evento será realizado em parceria com a Associação dos Atletas Profissionais de Basquete (AAPB), com uma ação social, envolvendo jogadores e clubes, em prol de vítimas da covid-19. A edição 2021 terá os torneios individuais de habilidades, cestas de três pontos e enterradas, e quatro "mini-jogos", com dez minutos cada, em formato mata-mata (semifinais, disputa de terceiro lugar e final), envolvendo quatro equipes: Time Shamell (estrangeiros do NBB), Time Georginho (revelações da temporada), Time Brabo e Time Marquinhos (ambos com outros destaques brasileiros da competição).

Jogos transferidos para o Rio de Janeiro

15/03 (segunda-feira): Unifacisa x São Paulo

16/03 (terça-feira): Mogi das Cruzes x Flamengo

16/03 (terça-feira): Minas Tênis Clube x Corinthians

17/03 (quarta-feira): Sesi Franca x Unifacisa

18/03 (quinta-feira): Flamengo x Corinthians