Joyce Oliveira disputa oitavas no tênis de mesa esta noite em Tóquio

Joyce Oliveira disputa oitavas no tênis de mesa esta noite em Tóquio
Joyce Oliveira disputa oitavas no tênis de mesa esta noite em Tóquio FOTO:

Os primeiros mesatenistas brasileiros classificados para as fases finais do tênis de mesa na Paralimpíada de Tóquio (Japão) entram em ação na noite desta quinta-feira (26). A paulista Joyce Oliveira  enfrenta às 23h (horário de Brasília) a indiana Bhavinaben Patal, pelas oitavas de final da classe 4 (cadeirantes). A mesatenista se classificou esta manhã, em segundo lugar do Grupo D, após derrotar a jordaniana Faten Elelimat, por 3 sets a 0 (11/7, 11/9 e 11/7).

Nos primeiros minutos da madrugada desta sexta-feira (27) será a vez Cátia Oliveira duelar nas quartas com a italiana Giada Rossi. As mesatenistas das classes 1-2 (cadeirantes) buscam uma vaga na semifinal feminina a partir de 0h20, no Ginásio Metropolitano de Tóquio, na capital japonesa. Apesar da derrota na noite de ontem (25), a mesatenista avançou após o fechamento das rodadas do Grupo D nesta quinta (26).

Classificado na manhã de hoje (26) para as oitavas , o paulista Israel Stroh completa a rodada da fase de grupos da classe 7 (andantes), para logo mais, às 23h, contra o adversário será o australiano Jake Ballestrine. O jogo é válido pelo Grupo E. 

Após estreia com vitória ontem (25), Stroh voltou a ganhar nesta manhã, e de virada: bateu o egípcio Sayde Youssef por 3 sets a 1 (11/5,11/8, 11/7 e 11/7). 

““É um campeonato muito duro. Cada jogo tem de estar preparado para muita dificuldade e detalhes extras. Essa classificação é uma continuação do trabalho, vamos ser precavidos e atentos, porque é muito difícil, temos de estar sempre 100% para os jogos, hoje eu consegui ser assim, por isso consegui ir bem. Mas é importante segurar a euforia, que é uma coisa que eu faço sempre, e estar pronto para dar o melhor na próxima”, disse Stroh, em depoimento à Confederação Brasileira de Tênis de Mesa (CBTM).

Bruna Alexandre sobra na estreia

Medalhista na Rio 2016 (dois bronzes, no individual e por equipes), a catarinense Bruna Alexandre fez uma estreia arrebatadora na manhã desta quinta (26) contra a australiana Melissa Tapper, em jogo da classe 10 (andante) no grupo B. Em apenas 16 minutos a brasileira fez 3 sets a 0 (11/7, 11/2 e 11/6). O resultado garante Bruna Alexandre nas quartas de finas, mesmo se perder na última rodada, programada para às 4h desta sexta (27), contra Tzu Yu Lin. 

“A gente [Bruna e a australiana] se conhece há muitos anos e a última vez que perdi para ela foi na Paralimpíada de Londres (2012). Eu tive uma derrota bem sofrida, pois estava vencendo por 2 a 0. Nesses últimos anos, eu consegui evoluir bastante e, hoje, eu consegui jogar bem em cima da mesa, o que foi crucial para eu vencê-la”, avaliou Bruna após o jogo. 

Embora tenha perdido o duelo desta manhã para o tailandês Yuttajak Glinbancheun por 3 a 0, em jogo pelo Grupo E classe 3 (cadeirantes), o cearense Davi Freitas também  já está assegurado nas oitavas. Ele conclui a última rodada da chave logo mais, às 23h40, contra o francês Florian Merrien. 

A manhã também foi boa para o paulista Carlos Carbinatti. Ele se recuperou do revés na estreia e venceu hoje o sul-africano Theo Cogill, por 3 a 0 (11/8, 14/12 e 11/5), em jogo válido pelo Grupo D, classe 10 (andantes). O brasileiro vai em busca por uma vaga nas quartas contra o austríaco Krisztian Gardos, em partida programada para 1h40 desta sexta (27). 

Outros resultados

O paulista Paulo Salmin, de 28 anos, foi superado nesta madrugada pelo chinês Yan Shuo, por 3 sets a 0 (11/2, 11/9 e 11/2, em jogo válido pelo Grupo A da classe 7 (andantes).

Natural de Mogi Mirim (SP), Luiz Filipe Manara se despediu das disputas individuais ao perder a segunda partida seguida. Nesta manhã, o paulista foi batido pelo chinês Yan Shuo, por 3 sets a 0 (11/2, 11/9 e 11/2), em partida do Grupo A classe 7 (andantes).

A manhã também não foi boa para Marliane Santos da classe 3 (cadeirantes), superada pela eslovaca Alena Kanova, por 3 sets 0 (14/12, 11/5 e 11/7), no Grupo C.

E na última partida da manhã de hoje (26), quem também deu adeus à competição individual foi a paulista Jennifer Parinos, da classe 9 (andantes). A mesatenista perdeu por 3 sets a 1 (11/9, 11/4, 9/11 e 11/5) para a número 2 do mundo, a polonesa Karolina Pek.