Medalhista paralímpico enfrenta desafio em ação solidária

25.08.21 - PHELIPE RODRIGUES -Finais da Natação no Tokyo Aquatics Center. Foto: Miriam Jeske/CPB. @miriamjeske.photo/ocpboficial
25.08.21 - PHELIPE RODRIGUES -Finais da Natação no Tokyo Aquatics Center. Foto: Miriam Jeske/CPB. @miriamjeske.photo/ocpboficial - FOTO: Miriam Jeske/CPB

Após faturar o bronze na prova dos 50 metros estilo livre da classe S10 na Paralimpíada de Tóquio (Japão), o nadador Phelipe Rodrigues embarca em um novo desafio no próximo domingo (26). Porém, agora será durante as suas férias e por um motivo muito nobre. O medalhista pernambucano velejará de kitesurf por sete dias do Ceará ao Maranhão em prol de uma ação solidária. O trajeto começa em Jericoacoara (CE) e termina nos Lençóis Maranhenses com uma distância aproximada de 370 quilômetros.

Phelipe é voluntário no Projeto britânico Dreamflight há sete anos. A iniciativa organiza uma viagem anual para 192 crianças em situação de vulnerabilidade social, com deficiência ou com alguma doença grave. O passeio de dez dias na Disney (EUA) é totalmente gratuito para os participantes.

“Aqui o resultado que importa não são os milésimos de segundos, mas conseguir bater a meta dos custos de da viagem dos sonhos de, ao menos, duas crianças”, declarou Phelipe, dono de oito medalhas paralímpicas e amante de esportes na água como surfe, kitesurf e windsurf, através de sua assessoria de imprensa. O objetivo é arrecadar aproximadamente R$ 10 mil.

Além do campeão paralímpico, o desafio contará com a participação de outras dez pessoas. A viagem deve durar entre seis e sete dias. Nesse período, as doações podem ser feitas direto no site do projeto.