Brasil classifica mais três skatistas para final do Mundial de street

Brasil classifica mais três skatistas para final do Mundial de street
Brasil classifica mais três skatistas para final do Mundial de street - FOTO: @juliodetefon

O skate brasileiro classificou mais três representantes para as finais masculina e feminina do Mundial de street (estilo praticado em obstáculos de rua, como escadarias ou corrimões). Neste sábado (13), Pâmela Rosa, Lucas Rabelo e Kelvin Hoefler garantiram lugar na decisão dos respectivos gêneros, a chamada "Super Coroa".

O evento é disputado em Jacksonville, estado da Flórida (Estados Unidos). As finais serão neste domingo (14): a disputa feminina começa às 14h e a masculina às 16h30 (horários de Brasília).

No feminino, Pâmela foi a melhor skatista da etapa classificatória, com 16.2 no somatório das notas. Na final, ela terá como rival a também brasileira Rayssa Leal, medalhista de prata na Olimpíada de Tóquio (Japão), que estava garantida por ser uma das quatro melhores atletas da temporada. Também avançaram as holandesas Candy Jacobs e Keet Oldenbeuving e a norte-americana Samarria Brevard.

O país também foi representado na classificatória feminina por Marina Gabriela, que ficou na sexta e última colocação, com 8.4 de somatório. Letícia Bufoni e Gabriela Mazetto também estavam inscritas, mas não participaram. A primeira não viajou por razões pessoais e a segunda não pôde entrar nos EUA devido a mudanças na legislação sanitária para acesso de estrangeiros. Ela precisava ter 14 dias da segunda dose da vacina contra o novo coronavírus (covid-19), mas tinha sete.

Entre os homens, os brasileiros obtiveram as melhores notas gerais da eliminatória. Lucas ficou em primeiro com 26.7, dois décimos a frente de Kelvin, prata em Tóquio. Eles se juntam a Felipe Gustavo, assegurado na Super Coroa pelos resultados anteriores. O australiano Shane O'Neil e o norte-americano Jagger Eaton (bronze na Olimpíada) também avançaram à final.

Mais três skatistas do país brigaram por um lugar na decisão masculina. Carlos Ribeiro ficou na quinta posição, Filipe Mota foi o 17º colocado e Luan Oliveira terminou em 18º lugar.