CONTRACAPA

André Diniz
André Diniz - FOTO: z

dia do ciclista

Um dos projetos encaminhados para as comissões na sessão da Câmara de Mogi nesta semana foi a proposta do vereador Vitor Emori (PL), que estabelece o dia 19 de agosto como Dia Municipal do Ciclista. O vereador defendeu a criação da data pelo potencial turístico que o ciclismo pode proporcionar, colocando o município como o ponto de partida de diversas rotas para o Vale do Paraíba, Serra da Mantiqueira e Serra do Mar.

Reconhecimento

Outro projeto de Lei encaminhado para análise nesta semana foi o pedido de reconhecimento como entidade de utilidade pública a Associação de Recreação e Convivência Assistencial (Arca), que realiza ações voltadas a famílias em situação de vulnerabilidade no município. O projeto de Lei foi apresentado pelo vereador Pr. Clodoaldo (PL).

MOÇÕES DE PESAR

A sessão de terça-feira da Câmara teve como triste coincidência o número de votos de pesar propostos pelos membros da Câmara de Mogi. No requerimento 16/21, Mauro do Salão (PL) pediu homenagens à família de Kohei Hasegawa, empresário local que faleceu após a luta contra o câncer. A Frente Parlamentar de Defesa da Mulher prestou homenagens à servidora da Câmara Silvana Pires, que faleceu por Covid-19. E Fernanda Moreno (MDB) rendeu homenagens ao ex-deputado federal Masataka Ota, que morreu recentemente.

Ouvidoria para mulher

A Frente Parlamentar em Defesa dos Direitos da Mulher, criada pelas vereadoras Fernanda Moreno (MDB) Inês Paz (PSOL) e Malu Fernandes (SD), apresentou a proposta de criação de uma ouvidoria específica para as mulheres. "É uma ferramenta importante para receber denúncias, reclamações e orientação a respeito de violência doméstica. Seria também um canal de referência onde as mulheres poderiam tratar de diversos assuntos, como problemas com trabalho, discriminações, entre outras questões que poderiam ser reportadas a uma equipe treinada para fazer esse atendimento e encaminhar as demandas", explicou Fernanda Moreno (MDB).