Aos poucos, voltando aos trilhos

Com o fim surpreendente da gestão do ex-prefeito Marcus Melo (PSBD), sem a dada como quase certa reeleição para este ano, alguns projetos estão adormecidos na Prefeitura de Mogi. Além da troca de quase todo o comando das pastas municipais, novos rumos e planejamento, o prefeito Caio Cunha (Podemos) também precisa lidar com a Covid-19 e a queda de arrecadação causada pela pandemia.

Na semana passada, porém, o maior projeto urbano da cidade virou assunto, pela primeira vez, de forma espontânea por parte do atual prefeito e sem a cobrança da imprensa. O programa Mais Mogi Ecotietê, oficializado por Marcus Melo na gestão passada, passa a se chamar apenas Mais Mogi. Em reunião na Câmara de Mogi, o secretário municipal de Planejamento, Cláudio Rodrigues, informou aos membros da Casa as novas ações do projeto. Dentre as novidades estão a promessa de início das obras de construção de dois parques e a expansão da capacidade da Estação de Tratamento de Esgoto Leste (ETE) para o segundo semestre.

O programa completo prevê investimentos de mais de US$ 70 milhões (aproximadamente R$ 350 milhões) em obras de saneamento, infraestrutura e mobilidade urbana para o distrito de César de Souza e outros pontos da região leste da cidade. Os investimentos são de uma parceria do município com o Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF). A principal novidade é o lançamento, a partir da próxima quinzena, do edital para a criação dos projetos nos setores de mobilidade urbana e saneamento básico, no valor de R$ 4 milhões.

A obra completa deverá demorar anos para ser concluída, mas promete mudar a cara de Cezar de Souza, vista por décadas como um ponto em potencial para o desenvolvimento. O resultado poderá beneficiar, sim, alguns políticos que, de forma premeditada, pretendem lucrar com a expansão da região leste da cidade. Assim é a política no mundo todo, porém, o mais importante é que os moradores da cidade sejam privilegiados.

Aos poucos, principalmente com o fim da pandemia, Mogi e região poderão voltar aos trilhos.