Artigo

O filho de Deus

Mauro Jordão
05/12/2021 às 05:30
Atualizada em 05/12/2021 às 05:30.
00001

00001

Numa série de filmes por nós assistidos, cujo tema é a comemoração festiva do Natal, nenhuma vez e em qualquer circunstância foi citado o nome de Jesus. Que povo é esse que comemora suas datas festivas e cívicas, porém, se esquece de celebrar o aniversário do rei?

No tempo do nascimento de Jesus o poder das armas do Império romano pressionava a todos a adorar o "divino" César; e este aquietava a miséria e a revolta do povo, por causa dos altos impostos, oferecendo-lhe a "política do pão e circo", porque era com que mais as pessoas se preocupavam: alimento e divertimento.

O ensino da escola da vida tem mudado muito nas últimas décadas; antes sempre se ensinava que o prazer era o prêmio pelo dever cumprido, mas hoje a nota mais alta, como se tem visto, se dá a afirmação: primeiro o prazer, depois, se possível, o dever..

A geração jovem do pós-guerra encontrou um campo devastado de esperança no futuro e se limitou a afirmar que amar é viver sem se importar demais com as fronteiras limitantes da moral, erguendo a bandeira existencialista de Sartre da liberdade sem censura. Em decorrência disso houve o distanciamento do jovem da Igreja e dos princípios da fé cristã.

A longa viagem dos magos, que vieram do oriente para adorar o menino Jesus, trouxe preocupação para o rei Herodes. Ele soube que eles inquiriam na cidade de Jerusalém: "Onde está o recém-nascido Rei dos judeus? Porque vimos a sua estrela no Oriente, e viemos para adorá-lo"; então, convocou todos os sacerdotes e escribas e indagava deles onde o Cristo deveria nascer. Em Belém da Judéia, responderam, conforme a profecia de Miquéias 5: 2: "E tu, Belém, terra de Judá, não és de modo algum a menor entre as principais de Judá; porque de ti sairá o Guia que há de apascentar a meu povo, Israel".

O rei Herodes, embusteiro e receoso de ser destronado enviou os magos a Belém para encontrá-la, adorá-la e avisá-lo para que a adorasse também, porém, avisados em sonho da má intenção do rei regressaram por outro caminho a sua terra.

Quem Somos

Fundado por Paschoal Thomeu – circulou em 22 de novembro de 1975. Em 1992, o administrador de empresas e publicitário Sidney Antonio de Moraes adquiriu a marca e relançou o jornal em 27 de outubro. O projeto foi ganhando força e, em 23 de abril de 1997, o jornal, até então preto-e-branco e veiculado apenas uma vez por semana, passou a circular colorido e bissemanalmente. Em 18 de maio do mesmo ano, a circulação foi ampliada para trissemanal e, finalmente, em 21 de junho de 1997 concretizou-se o lançamento do Mogi News diário. São inúmeras ações que, aliadas à qualidade editorial e gráfica, consagram o Mogi News como o jornal mais lido e respeitado do Alto Tietê

Categorias
Entre em contato:

Reclamações ou sugestões:

redacao@portalnews.com.br

Comercial e parcerias:

contato@portalnews.com.br

© 2021 Todos Os Direitos Reservados Ao Portal News de Comunicação

Desenvolvido por

Distribuído por