Artigo

O filho de Deus II

Mauro Jordão
19/12/2021 às 05:30
Atualizada em 19/12/2021 às 05:30.
00001

00001

Quando se faz acusação contra alguém, essa pessoa procura juntar provas de sua inocência. Pense você, quando Jesus, o Senhor de toda Criação, acusar o homem de desprezá-Lo, rejeitar o seu sacrifício na cruz e ainda, dar as costas a sua Palavra Revelada, poderá como criatura diante de Cristo, assentado no trono branco como único Juiz no tribunal do Juízo Final, ter recurso jurídico humano para contestá-Lo? Não, não haverá júri, advogados ou promotores humanos de defesa ou acusação porque a sentença já está promulgada para os mortos sem Cristo: condenação.

Deus se alegra em ver a família festejando o espírito do Natal: prazeres da mesa, beijos e abraços, presentes compartilhados e lindos enfeites iluminados por centenas de lâmpadas pisca-pisca, tudo é festa. Mas festa pra quem? Só pra nós? Não, pelo nascimento de Jesus a quem devemos levantar uma prece de gratidão pela vida, pela saúde e pelos bens materiais, morais e espirituais alcançados a cada ano. Nenhum presente humano é tão significativo para Jesus como um coração agradecido.

No início do livro de Isaías lemos a acusação de Deus contra a apostasia do reino de Judá, no século 700 a.C: Ouvi, ó céus, e dá ouvidos, ó terra, porque o Senhor é quem fala: "Criei filhos e os engrandeci, mas eles estão revoltados contra Mim. O boi conhece o seu possuidor, e o jumento o dono da sua manjedoura; mas Israel não tem conhecimento, o meu povo não entende. Ai desta nação pecaminosa, povo carregado de iniquidade, raça de malignos, filhos corruptores; abandonaram o Senhor, blasfemaram do Santo de Israel, voltaram para trás".

Deus sempre se ressente da constante ingratidão daqueles que se dizem cristãos, e se esquecem no Natal, em família, de adorar e glorificar a Jesus, Nosso Senhor e Salvador. Infelizmente, em muitos lares cristãos as crianças amam mais o bom velhinho que traz presente todo ano, Papai Noel, do que Jesus, o Filho de Deus, que deu o melhor presente para cada uma delas, a vida eterna, pela Sua morte na cruz.

Quem Somos

Fundado por Paschoal Thomeu – circulou em 22 de novembro de 1975. Em 1992, o administrador de empresas e publicitário Sidney Antonio de Moraes adquiriu a marca e relançou o jornal em 27 de outubro. O projeto foi ganhando força e, em 23 de abril de 1997, o jornal, até então preto-e-branco e veiculado apenas uma vez por semana, passou a circular colorido e bissemanalmente. Em 18 de maio do mesmo ano, a circulação foi ampliada para trissemanal e, finalmente, em 21 de junho de 1997 concretizou-se o lançamento do Mogi News diário. São inúmeras ações que, aliadas à qualidade editorial e gráfica, consagram o Mogi News como o jornal mais lido e respeitado do Alto Tietê

Categorias
Entre em contato:

Reclamações ou sugestões:

redacao@portalnews.com.br

Comercial e parcerias:

contato@portalnews.com.br

© 2021 Todos Os Direitos Reservados Ao Portal News de Comunicação

Desenvolvido por

Distribuído por