Editorial

Eterna vigilância

11/06/2022 às 06:00
Atualizada em 11/06/2022 às 06:00.

Ao autor da declaração de independência dos Estados Unidos, Thomas Jefferson, é atribuída a frase "O preço da liberdade é a eterna vigilância", embora não haja nenhuma constatação de que o mesmo tenha proferido tais palavras. Mas a discussão sobre o conceito de liberdade, mais de dois séculos depois, retorna das mais diferentes maneiras.

A interpretação do conceito de liberdade, de forma difusa e quase sempre contraditória, produziu nos últimos anos os resultados mais catastróficos que os cinco séculos de Brasil testemunharam.

A retórica da liberdade sem contrapartidas, sem deveres de agentes públicos e privados, que atropela a ciência e o bom-senso, não apenas nos jogou para as portas de uma crise institucional que jamais deveria haver no Brasil, mas também foi o motor para centenas de milhares de mortes.

A despeito de qualquer discurso irresponsável, outras mentes foram mais sensatas e garantiram que o Brasil pudesse realizar a tão sonhada caminhada à vida pós-pandemia. No entanto, a falta de coordenação entre poderes públicos, alimentados por uma guerra de narrativas em que a "liberdade" era mais importante que a vida, fez com que esta distensão à vida normal se tornasse capenga e falha, alimentando novas variantes de um vírus que já se mostrou agressivo e inclemente com os mais pobres, e que volta a rondar nossos pesadelos.

Nós, enquanto comunidade e uma região com mais de três milhões de habitantes, temos como missão fundamental não apenas garantir nossa sobrevivência, mas também reforçar seu cumprimento em nosso meio. As lições que aprendemos amargamente nos últimos dois anos, onde ainda choramos nossas perdas, devem ser nossa motivação.

A volta das recomendações pelo uso de máscaras por entidades da sociedade civil e a obrigatoriedade pelo uso em ambientes fechados pela Prefeitura de Santa Isabel, são exemplos que mostraram-nos que a liberdade se conquista não por armas ou por discursos hipócritas, mas pela cooperação. A liberdade às máscaras será conquistada quando mudarmos e vigiarmos nossos hábitos, em um mundo que não será mais o mesmo.

 

Quem Somos

Fundado por Paschoal Thomeu – circulou em 22 de novembro de 1975. Em 1992, o administrador de empresas e publicitário Sidney Antonio de Moraes adquiriu a marca e relançou o jornal em 27 de outubro. O projeto foi ganhando força e, em 23 de abril de 1997, o jornal, até então preto-e-branco e veiculado apenas uma vez por semana, passou a circular colorido e bissemanalmente. Em 18 de maio do mesmo ano, a circulação foi ampliada para trissemanal e, finalmente, em 21 de junho de 1997 concretizou-se o lançamento do Mogi News diário. São inúmeras ações que, aliadas à qualidade editorial e gráfica, consagram o Mogi News como o jornal mais lido e respeitado do Alto Tietê

Categorias
Entre em contato:

(11) 4735-8000
[email protected]
[email protected]
[email protected]

Av: Japão, 46 - sala 06 - Vila Ipiranga - Centro - Mogi das Cruzes

© 2022 Todos Os Direitos Reservados Ao Portal News