22
Editorial

Fechar a conta

André Diniz
31/07/2022 às 06:00
Atualizada em 31/07/2022 às 06:00.

Profissionais de contabilidade, seus parentes e amigos bem sabem - não há um final de mês que seja tranquilo, sereno ou bacana. A precisão que o momento exige no balanço de contas a pagar e receber, obrigações, custos e afins sempre pede não apenas uma mente afiada e bons conhecimentos em matemática, mas fé e desconfiança ao mesmo tempo.

A recuperação da economia no pós-pandemia do novo coronavírus (Covid-19) passa também pela recuperação dos caixas dos municípios. A queda na arrecadação em diversas frentes com o fechamento do comércio, as demissões em massa, somados aos custos com a rede de saúde, fez com que cada parcial do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) com saldo positivo nas vagas de emprego sinalizasse um momento de esperança: o reaquecimento do comércio e, invariavelmente, dos impostos.

O balanço de julho dos repasses do ICMS para o Alto Tietê, tratado nesta edição do MogiNews/DAT, mostra um sinal positivo: na média regional, os valores deste ano superam os do ano passado e estão acima da inflação acumulada. À primeira vista, mais um sinal verde numa longa avenida para a redenção, esperada por tantos há tanto tempo.

Mas ao ouvir as prefeituras das cidades da região, o discurso de cautela diante das novas leis federais sobre a cota máxima de cobrança do ICMS aplicado para combustíveis, é o mais prevalente - e com razões. A expectativa de renúncia fiscal em todo o país na casa dos bilhões de reais é um valor que assusta no todo e nas partes, nas cidades e nos estados, que operam com pouquíssima margem de erro diante da Lei de Responsabilidade Fiscal.

A despeito de figuras do alto escalão governamental brasileiro, a máquina do Estado ainda é responsável por muitas coisas - incluindo as políticas públicas voltadas à proteção social, a geração de empregos, a saúde, educação e assistência social.

E o cálculo de verdade, para além da estratégia política, precisa fechar. Pessoas dependem disso para além dos gabinetes e departamentos de contabilidade: pessoas reais. Aqueles que esperam um futuro mais nítido precisam, no fim, refazer suas contas.

 

Quem Somos

Fundado por Paschoal Thomeu – circulou em 22 de novembro de 1975. Em 1992, o administrador de empresas e publicitário Sidney Antonio de Moraes adquiriu a marca e relançou o jornal em 27 de outubro. O projeto foi ganhando força e, em 23 de abril de 1997, o jornal, até então preto-e-branco e veiculado apenas uma vez por semana, passou a circular colorido e bissemanalmente. Em 18 de maio do mesmo ano, a circulação foi ampliada para trissemanal e, finalmente, em 21 de junho de 1997 concretizou-se o lançamento do Mogi News diário. São inúmeras ações que, aliadas à qualidade editorial e gráfica, consagram o Mogi News como o jornal mais lido e respeitado do Alto Tietê

Entre em contato:

(11) 4735-8000
[email protected]
[email protected]
[email protected]

Av: Japão, 46 - sala 06 - Vila Ipiranga - Centro - Mogi das Cruzes

© 2022 Todos Os Direitos Reservados Ao Portal News